Único sobrevivente de acidente na BR-282, motorista está internado em Chapecó

Tragédia provocou a morte de morador de Ponte Serrada e três pessoas de uma mesma família do PR

Por Redação Oeste Mais

16/09/2021 14h25 - Atualizado em 16/09/2021 16h03



Motorista do Sandero é o único sobrevivente (Foto: Jhonatan Coppini/Oeste Mais)

O único sobrevivente do acidente entre dois automóveis no final da tarde de quarta-feira, dia 15, na BR-282 em Ponte Serrada, está internado no Hospital Regional do Oeste (HRO) em Chapecó. A tragédia provocou a morte de quatro pessoas, sendo três da mesma família. Uma criança de cinco anos está entre as vítimas fatais.

 

Natalino Ramão, de 49 anos, dirigia um Renault Sandero, ocupado por outras três pessoas – todas em óbito. O veículo foi atingido por um Chevrolet Vectra, nas proximidades da entrada da Vila Pouso dos Tropeiros (CTG), em Ponte Serrada. Natalino foi levado para o hospital do município, seguiu para Xanxerê e agora está em Chapecó, “sob observação”.

 

A unidade não deu detalhes do estado de saúde dele. Conforme o Corpo de Bombeiros, quando foi socorrido, o motorista apresentava suspeita de fratura na perna direita e sinais vitais instáveis. O Oeste Mais apurou com um familiar que o homem está na UTI.

Hemilly, Roselei, Helena e Luiz morreram em acidente em Ponte Serrada (Foto: Arquivo pessoal)

As vítimas fatais da tragédia eram esposa, filha e sogra de Natalino. Morreram Roseli Teresinha Paris Ramão, de 48 anos, Helena Martha Paris, 69, e a pequena Hemilly Bianca Paris Ramão, de apenas cinco anos de idade. O Vectra era dirigido por Luiz Osvaldo Fontoura dos Santos, de 26 anos.

 

O jovem morava na Vila Pouso dos Tropeiros (CTG) e era o único ocupante do carro. A família que estava no Sandero era de Foz do Iguaçu (PR), para onde os corpos foram transladados. O de Luiz foi velado na Igreja só o Senhor é Deus, na Vila Pouso dos Tropeiros, com o sepultamento ocorrendo às 14 horas de hoje.

 

Segundo a Polícia Civil de Ponte Serrada, que instaurou um inquérito para investigar o acidente, a colisão ocorreu no momento em que o Sandero seguia sentido a Irani e o Vectra a Ponte Serrada, logo após entrar na rodovia ao sair da Vila Pouso dos Tropeiros. A polícia aguarda o laudo da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para dar sequência às investigações.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.