Número de smartphones vendidos no Brasil deve cair em 2019

De acordo com IDC, número de unidades vendidas deve cair 2,4%, mas faturamento vai subir 12%

Por Oeste Mais

18/06/2019 17:09 - Atualizado em 18/06/2019 17:09



As vendas de smartphones no Brasil em 2019 devem cair 2,4%, para 43,38 milhões de unidades, informou nesta segunda-feira, dia 17, a empresa de pesquisa de mercado IDC. Apesar disso, a receita das vendas de aparelhos deve subir 12%, para R$ 59,6 bilhões.

 

“A demanda por dispositivos com maior memória interna, câmeras múltiplas, telas maiores e com borda infinita, e recursos inteligentes deve continuar impulsionando as vendas nas faixas média e premium, com um crescente uso dos smartphones para assistir filmes e acesso a conteúdo de streaming”, disse o analista do IDC Renato Meireles, em comunicado à imprensa.

 

O recuo é menor do que o IDC havia estimado no final do ano passado, quando previa queda de 4,3% nas vendas de 2019 . O crescimento esperado na receita na ocasião era de 7%.

 

No primeiro trimestre, segundo os dados mais recentes da companhia, as vendas de celulares inteligentes no Brasil caiu 6% sobre o mesmo período de 2018, para 10,7 milhões de unidades. O faturamento, porém, subiu 8% no período, a R$ 13,7 bilhões.

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.