Lendário "tijolão" é ressuscitado pela Nokia

Modelo 3310 teve últimas unidades fabricadas em 2005

Por Oeste Mais

17/03/2017 23:09 - Atualizado em 31/01/2018 23:11



Nokia 3310 suporta apenas duas bandas e não funcionará nos EUA (Foto: Divulgação/Nokia)

Conhecido como o “tijolão” do ano 2000, a Nokia ressuscitou o celular Nokia 3310 em 2017. A novidade foi anunciada em fevereiro durante o MWC (Mobile World Congress), que aconteceu em Barcelona, na Espanha. O antigo telefone deixou de ser vendido em 2005 e agora voltou repaginado.

 

Disponível em quatro cores, o novo Nokia 3310 tem uma câmera de 2 MP com flash e tela de 2,4 polegadas, além de contar com o tradicional jogo da cobrinha, o "Snake".

 

Ainda não há previsão da chegada do aparelho ao Brasil, nem do preço que será vendido por aqui. Mas, na Europa, o Nokia 3310 já está sendo vendido por € 49 (aproximadamente R$ 160, sem taxas).

Nokia anunciou a volta do Nokia 3310 na MWC (Foto: Divulgação/Nokia)

 Vale a pena comprar o novo Nokia 3310?

 

A própria Nokia não tem o 3310 como sua principal aposta para o mercado mobile, visto o lançamento de três smartphones com Android durante o evento. O novo "tijolão" atende aos consumidores mais nostálgicos, mas não tem a intenção de ser um líder de vendas.

 

 

A mudança externa do telefone foi enorme: novas cores, corpo mais fino, tela colorida. Mas a ficha técnica deve deixar a desejar para a maioria dos consumidores, já que não é possível baixar apps, acessar redes sociais, usar GPS e tirar fotos com boa qualidade.

Tech Tudo


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.