Netflix anuncia taxa extra para usuários que dividem conta com pessoas de outros endereços

Período de teste vai ocorrer no Chile, Costa Rica e Peru, mas é esperado que taxa passe a ser direcionada ao mundo todo

Por Redação Oeste Mais

18/03/2022 11h10 - Atualizado em 18/03/2022 11h17



A Netflix anunciou na última quarta-feira, dia 16, que vai cobrar uma taxa extra para usuários que dividem o mesmo plano sem que estejam morando na mesma residência.

 

O custo adicional será em média de US$ 2,99 (equivalente a R$ 15) por membro. Para cada novo usuário, a taxa será cobrada individualmente.

 

Os membros extras que serão adicionados possuirão login e senhas diferentes do titular. A outra é a possibilidade de transferir os dados dos perfis que estavam alocados na mesma conta para outra nova ou uma subconta de membro extra.

 

Por enquanto, o Brasil ficará de fora desta nova cobrança. Conforme o diretor de inovação de produtos da Netflix, Chengyi Long, o teste será iniciado no Chile, Costa Rica e Peru.

 

O período de teste também não foi informado pelo gestor, mas é esperado que – assim como outras novidades implementadas em grandes mercados – a taxa passe a ser direcionada ao restante do Mundo.


Em publicação no blog da Netflix, Long ressaltou que a empresa sempre facilitou o compartilhamento da mesma conta para pessoas que moram na mesma casa. Entretanto, ponderou que isso estava causando uma "confusão" de quando e como a senha poderia ser dividida.

 

Ele também explicou que essa "confusão" impactava a capacidade da Netflix de "investir em bons e novos programas e filmes para nossos assinantes".

Com informações do O Povo


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.