Google libera no Brasil app para pais controlarem o que crianças podem ou não fazer no celular

Pais podem limitar download de serviços e o horário de uso de smartphones

Por Redação Oeste Mais

28/03/2018 15h17 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Aplicativo de mensagens? Proibido. Navegar no celular depois das 22h? Não pode também. Se depender do Google, os pais brasileiros conseguirão mais do que apenas tentar impor essas restrições a seus filhos. A empresa lançou nesta quarta-feira, dia 28, um aplicativo para os responsáveis por crianças controlarem o que podem ou não fazer em um smartphone.

 

Chamado de Family Link, o aplicativo foi criado em uma parceria entre as equipes de engenheiros do Google no Brasil. Em teste desde setembro de 2017 nos EUA, o app só agora começa a ser liberado para outros mercados. E a primeira parada é a América Latina.

 

O aplicativo, na verdade, é voltado aos pais. São eles que devem instalá-lo em seu aparelho, seja Android ou iPhone. Com ele, podem criar uma conta Google familiar, a ser configurada no celular dos filhos, por ser uma conta Google, só aparelhos do sistema Android estão dentro do raio de ação do serviço.

 

Os pais vão poder por exemplo: aprovar ou proibir apps instalados da Google Play Store; Limitar o horário de uso do celular e para cada aplicativo; Monitorar o tempo gasto por aplicativo em períodos semanais e mensais e bloquear remotamente o dispositivo em determinada hora do dia, como a hora de dormir ou do almoço.

 

“O Family Link dá à criança a liberdade para acessar um dispositivo Android, mas ao mesmo tempo obviamente seguir as regras que o pai ou a mãe estabelecerem”, diz Marcel Leonardi, conselheiro sênior de políticas públicas do Google.

Aplicativo Family Link permite que pais controlem o que filhos fazem em celulares Android (Foto: Divulgação/Google)

Do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.