Sintomas do sarampo podem ser mais agressivos em adultos

Infectologista explica que quando o sistema imunológico já está formado a defesa do organismo é mais forte, intensificando os sintomas

Por Oeste Mais

13/08/2019 14:39



Santa Catarina possui quatro pessoas identificadas com o vírus do sarampo. Os dados são da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive/SC), apontam que destes três ainda aguardam os resultados de retestes, para confirmar a infecção pelo vírus que causa a doença.

 

Os exames estão sendo feitos na Fiocruz, que é o laboratório de referência no Brasil. Os casos foram identificados entre os dias 17 e 31 de julho. Segundo a Dive/SC nenhuma das vítimas possuía comprovação vacinal contra a doença. Apesar de todos serem importados os dados acendem o alerta para circulação da doença em SC.

 

O médico infectologista da Dive/SC, Luiz Escada, explica que o sarampo é causado por um vírus extremamente contagioso. É transmitido com grande facilidade por secreções, como saliva e catarro da pessoa contaminada.

 

É considerada uma doença de infância, pois ocorre especialmente nos primeiros três anos de vida, com duração entre uma e duas semanas. Porém para os adultos tende a trazer mais transtornos.

 

Entre os sintomas o infectologista destaca a febre alta, tosse com muito catarro e também conjuntivite. O médico ressalta que o paciente que foi contaminado pelo vírus, tem “cara de sarampo”.

 

Além destes, há também o chamado sinal de koplik que são pontos brancos na boca e pode ser associado a complicações do caso. Se os sintomas não passam após dois ou três dias, aí presume-se piora pelo próprio vírus do sarampo ou outras doenças como pneumonia e otite bacteriana, podendo levar à morte. Essa situação atinge mais gravemente os desnutridos, recém-nascidos, gestantes e portadores de imunodeficiências.

Com informações do NSC Total


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.