Rendido em casa e levado até agência, gerente da Valcredi fala sobre momentos de tensão

Cooperativa de crédito foi assaltada e funcionários foram feitos reféns na manhã desta terça-feira em Vargeão

Por Oeste Mais

12/03/2019 12:00 - Atualizado em 12/03/2019 14:10



Gerente da Valcredi foi rendido em casa e obrigado a abrir a agência (Foto: Oeste Mais)

O gerente do Sicoob Valcredi Sul de Vargeão testemunhou ao Oeste Mais os momentos de tensão vividos durante o assalto à cooperativa de crédito na manhã desta terça-feira, dia 12.

 

Ivanor dos Santos foi rendido ainda em casa e obrigado a ir de carro até a agência com o assaltante no banco de trás do veículo. Já no local, Ivanor e outras duas funcionárias ficaram reféns por mais de uma hora.

 

“Realmente foi um grande susto para nós, para mim principalmente, porque o cara [assaltante] veio e me pegou lá em casa”, contou Ivanor. “Mas graças a Deus, terminou tudo tranquilo”, disse aliviado.

Assaltante foi preso após manter três funcionários reféns (Foto: Oeste Mais)

Segundo ele, o assaltante agia intimidando os reféns o tempo todo, sem deixar ninguém falar e se comportando de maneira agressiva. Ivanor também revelou já ter passado por um assalto anteriormente. “Mas nem comparar com esse. Esse foi mais complicado”, considerou.

 

O gerente ainda disse ao Oeste Mais que tentou tirar a arma do criminoso. “Só que ele é muito mais forte, tem mais experiência, e a gente não tem habilidade para isso. Só tentei segurar a arma dele para não disparar, não ferir os colegas”, relatou.

 

O assaltante encapuzado manteve Ivanor e as duas mulheres reféns por mais de uma hora. Uma das vítimas conseguiu sair no momento em que o gerente tentou segurar a arma do assaltante, mas foi agredido pelo bandido. A polícia invadiu o local logo em seguida e prendeu o criminoso.

 

Vídeo mostra momentos de tensão durante o assalto:


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.