Operação de combate à corrupção é realizada em Chapecó

Ação realizada nesta quinta-feira, cumpriu com todos os mandados de busca e apreensão

Por Oeste Mais

12/09/2019 14:36 - Atualizado em 12/09/2019 14:36



O Ministério Público Estadual (MPE) deflagrou na manhã desta quinta-feira, dia 12, a operação "Negócio Acessível", que investiga crimes de corrupção ativa e passiva, falsidade ideológica, advocacia administrativa e falsificação de documentos públicos em Chapecó.

 

Outras operações de enfrentamento à corrupção e à lavagem de dinheiro também ocorrem em mais nove estados: Amazonas, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, São Paulo e Sergipe.

 

A pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a Justiça expediu quatro mandados de busca e apreensão e dois mandados de aplicação de medidas cautelares. Durante a operação "Negócio Acessível" todos foram cumpridos.

 

Segundo o MPE, os suspeitos estão proibidos de ter contato com testemunhas ou servidores públicos e de acessar às dependências de órgãos públicos municipais. Também houve a suspensão do exercício do cargo público.

Operação de combate à corrupção é realizada em dez estados (Foto: MPE)

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.