PRF registra seis mortes nas rodovias federais durante Operação Tiradentes

Em comparação com 2017, foi registrado redução no número de acidentes e feridos, mas aumento na quantidade de óbitos

Por Redação Oeste Mais

25/04/2022 11h09 - Atualizado em 25/04/2022 11h22



Operação durou quatro dias (Fotos: PRF)

A Operação Tiradentes 2022 registrou ao menos seis mortes e 113 acidentes de trânsito durante os quatro dias de fiscalização nas rodovias federais de Santa Catarina.

 

► Faça parte do canal do Oeste Mais no Telegram

 

A operação da PRF iniciou na noite do dia 20 e seguiu até este domingo, dia 24. Além das mortes durante o feriadão, 61 pessoas ficaram feridas nos acidentes.

 

Nos últimos quatro anos não houve Operação Tiradentes devido à pandemia ou ao fato do feriado ter caído no fim de semana. Comparando com 2017, entre 20 a 24 de abril, a PRF registrou redução no número de acidentes e feridos, mas aumento na quantidade de mortos.

 

                      2017       2022      Var. 17/22

Acidentes     141          113          - 19 %

Feridos         138            61           - 55%

Mortos            03            06        + 100 %

 

Dentre os seis óbitos, três foram registrados na BR-470, nos municípios de Indaial, Blumenau e Ibirama; dois na BR-101, em Piçarras e Araquari; e um na BR-116, em Monte Castelo.

 

Dentre as 3.161 infrações flagradas nestes cinco dias, destacam-se 145 por dirigir sob efeito de álcool e 184 por ultrapassagens em local proibido. Ainda 240 pessoas foram flagradas sem o cinto de segurança, 35 motoristas manuseando o celular enquanto dirigiam e também 54 crianças sendo transportadas sem cadeirinha.






COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.