Tubarão é encontrado na faixa de areia em praia de SC

Imagens mostram o animal na orla após encalhar em praia

Por Redação Oeste Mais

24/01/2022 16h36



Animal foi encontrado na sexta-feira em Laguna, no Sul catarinense (Foto: NSC)

Um tubarão foi encontrado por moradores após encalhar em uma praia em Laguna, no Sul catarinense, na sexta-feira, dia 21. 

 

As imagens foram feitas por um amigo de Henrique Werner, que aparece levando o animal para o mar. Segundo o advogado, o registro foi feito por volta das 5h, quando ele caminhava pelo local, próximo ao Farol de Santa Marta.

 

De acordo com o oceanógrafo Jules Soto, a suspeita é de que trata-se de um tubarão-azul (Prionace glauca) juvenil. O pesquisador e curador do Museu Oceanográfico Univali assistiu ao vídeo e explicou que os animais da espécie possuem uma longa mancha preta no peitoral.

 

Werner disse que apenas ao se aproximar, viu que era um animal e que estava vivo. O advogado, então, o arrastou o tubarão pela cauda até o mar.

 

"O que eu fiz foi impensado. Sou defensor dos animais e, depois do resgate, liguei imediatamente para a polícia ambiental, já que às vezes o animal podia estar cansado e retornar à praia", disse.

 

Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), nenhuma ocorrência com animais foi registrada no município na sexta. O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) também foi procurado pela reportagem e disse que soube do aparecimento do tubarão depois que ele já havia retornado ao mar. 

 

Segundo os pesquisadores do PMP-BS, a orientação é para que os banhistas procurem um órgão ambiental ao encontrarem animais marinhos em condições parecidas. A orientação também é reforçada pelo oceanógrafo.

 

"Ele já foi selecionado pela natureza. Alguma coisa aconteceu para um animal encalhar dessa forma. É muito raro sobreviver. As pessoas não devem ficar tentando colocar eles de volta para a água dessa forma, até porque ele encalha de novo e pode se virar e morder", afirma Soto.

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.