Polícia Civil descarta crime de cárcere privado de mãe contra filha em Chapecó

Mulher de 59 anos foi encaminhada para a delegacia após ser denunciada pela filha

Por Redação Oeste Mais

18/11/2021 19h09



A Polícia Civil descartou um crime de cárcere privado envolvendo mãe e a filha no município de Chapecó. As autoridades emitiram no início da noite desta quinta-feira, dia 18, uma nota informando que ouviram os envolvidos no caso.

 

“Não há mínimos indícios de que tenha havido cárcere privado da mãe contra a sua filha. Segundo apurado, tratou-se de um mero desentendimento familiar entre a mulher, de 59 anos, e sua filha e seu genro, de 21 e 22 anos”, disse a polícia.

 

Na nota, a Polícia Civil acrescentou que após uma discussão na noite da última terça-feira, dia 16, a mulher teria permanecido na casa onde vivem, portando um facão, o que intimidou a filha e o genro, que se trancaram em um quarto.

 

“Instantes depois, durante a madrugada, o genro saiu para trabalhar e a filha permaneceu no quarto até a manhã do dia seguinte, quando então o genro acionou a polícia”, relatou ainda a Polícia Civil. À Polícia Militar, a filha disse que chegou a defecar no quarto.

 

“A mulher [mãe] teria agido desta maneira por não aceitar o relacionamento amoroso de sua filha e não ter boa convivência com seu genro. Em momento algum a filha teria sido obrigada a permanecer no quarto e, em momento algum, a mulher teria proferido ameaças aos dois. A mulher não possui qualquer registro policial pela prática de crimes”, conclui a nota da Polícia Civil.

 

A mãe encaminhada pela Polícia Militar foi ouvida na Central de Plantão Policial de Chapecó e liberada em seguida. Como a filha quis representar criminalmente contra a mulher, ela deverá responder a um termo circunstanciado pelo crime de ameaça, por portar o facão e intimidar a filha e o genro.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.