Mulher se passa por cliente e furta cerca de R$ 20 mil de empresa no Oeste

Funcionário do local contratou a mulher para cometer o crime em São José do Cedro

Por Oeste Mais

21/07/2021 11h27 - Atualizado em 21/07/2021 11h27



Um empresário de São José do Cedro foi vítima de furto e perdeu cerca de R$ 20 mil, na última quarta-feira, dia 14.

 

O delegado da comarca, Sandro Zancanaro, disse que alguns funcionários da empresa sabiam onde o dinheiro era guardado para pagamento de fornecedores e colaboradores.

 

Para conseguir realizar o furto, um dos trabalhadores do local solicitou ajuda de uma amiga, onde pediu que ela se passasse por uma cliente para ter acesso ao local próximo onde o dinheiro estava guardado.

 

Já na empresa, a mulher pediu para ir ao banheiro, mas acabou mudando o percurso e se deslocou até a sala onde estava o montante. Desse jeito, ela teve êxito no furto e levou cerca de R$ 20 mil.

 

Na quinta-feira, dia 15, a Polícia Civil já em posse das informações sobre o ocorrido, pediu para que o Judiciário emitisse um mandado de busca e prisão contra a autora.

 

Porém, ao realizar a prisão da suspeita, a polícia percebeu que a mulher já havia se evadido do endereço em que vivia.

 

No sábado, dia 17, a mulher voltou para São José do Cedro e, pela manhã de domingo, dia 18, a Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão contra ela.

 

Apesar da prisão ser concluída, apenas parte do valor roubado foi recuperado, pois a autora dividiu o dinheiro com o cúmplice do crime. O funcionário envolvido também foi preso.

 

O delegado acredita que os envolvidos fazem parte de uma quadrilha e destacou que isso se deve a suspeita de envolvimento de outras pessoas.

 

Além disso, Zancanaro comentou que os suspeitos realizaram festa com dinheiro furtado, como também compraram alguns bens.



Com informações do Portal Peperi


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.