Mulher do Oeste é presa por envolvimento no roubo ao banco em Criciúma

Jovem de 28 anos foi detida juntamente com um homem de 41 anos, em São Paulo, na última segunda-feira

Por Oeste Mais

20/05/2021 14h26 - Atualizado em 20/05/2021 14h26



A mulher de 28 anos, natural de Capinzal, foi presa na última segunda-feira, dia 17, em São Paulo, por envolvimento no roubo ao Banco do Brasil de Criciúma.

 

Na ocasião, também foi preso um homem de 41 anos. A dupla, que estava foragida, foi localizada em um condomínio de alto padrão, na cidade Votorantim (SP), onde eles estavam morando.

 

O homem, que é natural de Sorocaba (SP), tem antecedentes por crimes de extorsão mediante sequestro e porte ilegal de arma de fogo em São Paulo. A mulher trabalhava para o homem e ambos viviam em Penha na época do roubo. Apesar de no momento da abordagem o homem ter tentado escapar e resistir à prisão, ele foi contido pelos policiais.

 

A dupla foi transferida para Santa Catarina e agora responderá juntamente com os demais réus ao processo. 

 

As investigações prosseguem para alcançar todos os responsáveis pelo crime.

Crime ocorreu no final de 2020, onde ação praticada por cerca de 30 pessoas encapuzadas durou quase duas horas (Foto: Divulgação)

Com informações do Caco da Rosa


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.