Caçadores são presos com aves, pele de animal e armas

Polícia encontrou armas, munições, armadilhas, aves e pele de animal silvestre com homens em abordagem no Norte de SC

Por Oeste Mais

04/05/2020 08h37 - Atualizado em 05/05/2020 18h00


Armas e animais mortos foram encontrados com caçadores (Foto: PMA)

Três homens foram presos em Mafra, no Norte de Santa Catarina, por caça ilegal. A apreensão ocorreu no sábado, dia 2, e a polícia encontrou com eles uma ave Baitaca em cativeiro, além de uma ave Jacu morta, a pele de um animal silvestre e ao menos nove armas, além de armadilhas e munições, também foram encontradas.

 

A prisão foi feita pela Polícia Militar Ambiental (PMA) e Polícia Militar na localidade de São João da Barra. A polícia abordou um veículo e seus ocupantes em uma estrada e depois chegou a um rancho que, segundo a PMA, servia de base para os caçadores.

 

Foram apreendidas no total cinco espingardas, uma arma garrucha, dois rifles, dois revólveres, 3,4 quilos de chumbo, pólvora, mais de 700 munições, luneta, armadinhas e 10 apitos para atrair aves.

 

"É a maior apreensão que fixemos aqui. Foi um duro golpe em quem tem essa prática de caça como hobbie. Durante o ano passado inteiro apreendemos oito armas de fogo. Neste ano em apenas quatro esses apreendemos 17 na nossa região", explica o major Fernando Lopes.

 

Oito pessoas foram abordadas pela polícia. Três deles foram presos em flagrante por caça e posse irregular de armas e levados para a delegacia de Mafra.

Com informações do G1

COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.