Polícia Militar de Santa Catarina recebe robô antibomba do governo federal

Máquina pode chegar a dois metros de altura e ser controlada remotamente a até um quilômetro de distância

Por Oeste Mais

15/01/2020 08h36 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Robô foi adquirido pelo governo federal por um custo aproximado de R$ 1,1 milhão (Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom)

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar de Santa Catarina recebeu o reforço de um importante aliado na tarde desta terça-feira, dia 14. Em uma cerimônia no Comando-Geral da PM, foi confirmada a transferência definitiva da posse do robô antibomba Teodor para a corporação.

 

O robô foi adquirido pelo governo federal por um custo aproximado de R$ 1,1 milhão. Ele pode chegar a dois metros de altura, sendo controlado remotamente a até um quilômetro de distância do local da intervenção. A operação da máquina ficará a cargo do Comando de Operações de Busca, Resgate e Assalto (Cobra), do Bope.

 

A governadora em exercício, Daniela Reinehr, agradeceu a doação e disse que a máquina ajudará não apenas na desativação de artefatos explosivos, mas também na preservação da vida dos agentes de segurança.

Robô antibomba Teodor (Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom)

“Esse equipamento será manutenido pelo governo do estado e agora vem de forma definitiva. Agradecemos à Senasp por ter feito essa cessão. O robô será essencial, pois é um equipamento que agrega muito, não apenas na qualidade do trabalho do policial, mas também na segurança pública como um todo, ajudando a melhorar nossos índices”, destacou.

 

O comandante-geral da PM, coronel Araújo Gomes, destacou que o robô, por utilizar uma tecnologia de ponta, trará mais efetividade no trabalho exercido pelos explosivistas do Cobra. Na opinião do coronel, a doação representa uma coroação do trabalho realizado pelas forças de segurança catarinenses.

 

“O robô leva o nosso esquadrão antibombas a um novo patamar, semelhantes às principais forças do mundo que atuam com esse tipo de problema. Tudo isso é fruto do trabalho de cooperação do governo do estado com o governo federal”, pontuou.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.