Homem mata esposa e tenta simular latrocínio para enganar polícia

Depois de depoimentos controversos, suspeito foi preso pela Polícia Civil

Por Redação Oeste Mais

20/11/2019 13h46 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Um homem de 42 anos é suspeito de ter assassinado a esposa e, depois, simulado um assalto para tentar enganar a polícia. O caso aconteceu na última terça-feira, dia 19, em Lages, na Serra catarinense.

 

Conforme a investigação, Rosimere do Rosário Pereira, de 52 anos, foi morta a pauladas pelo próprio companheiro enquanto dormia. Segundo a polícia, após o crime, o suspeito retirou uma televisão da casa para simular que Rosimere fora vítima de latrocínio (roubo seguido de morte).

 

Ele também teria escondido as roupas com manchas de sangue em cima de uma caixa d'água e jogado o pedaço de madeira utilizado no crime em uma mata. Durante as investigações, policiais desconfiaram de informações controversas e passaram a investigá-lo. O homem então, teria confessado o crime. Ele foi preso em flagrante e conduzido ao Presídio Regional de Lages.

Crime foi registrado na última terça-feira, em Lages (Foto: Polícia Civil)

Com informações do NSC Total


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.