Policial militar é preso em Laguna por suspeita de pornografia infantil na internet

Homem de 47 anos foi detido na própria casa, informou a Polícia Federal

26/06/2019 11h25 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Software era usado para compartilhamento do conteúdo para usuários do mundo todo (Foto: Polícia Federal)

Um policial militar de 47 anos foi preso em flagrante nesta terça-feira, dia 25, em Laguna, no Sul catarinense, por compartilhar e armazenar imagens e vídeos de pornografia infantil, conforme a Polícia Federal.

 

A prisão ocorreu na casa dele, informou a PF, durante a Operação Dois Mundos, quando policiais federais cumpriam mandado de busca e apreensão.

 

Conforme as investigações, o policial baixou e divulgou diversos arquivos contendo cenas de sexo explícito envolvendo menores de idade. Também foi identificado um software de compartilhamento de arquivos utilizado por ele. Foram apreendidos equipamentos eletrônicos usados na residência.

 

Somadas, as penas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para os crimes de posse e transmissão desses tipos de arquivos podem chegar a dez anos de prisão, informou a PF.

 

Oito policiais federais participaram da operação. A PF não divulgou mais detalhes sobre o caso. A Polícia Militar não se manifestou sobre a prisão.

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.