Senhor presidente, pense em quem produz

Por Jaime Folle

18/10/2018 15:05 - Atualizado em 18/10/2018 15:35


Desde a abertura das urnas até seu encerramento, tudo vai correr muito bem, apesar do pouco crédito e do pensamento reticente em relação à capacidade dos dois candidatos em resolver os graves problemas do Brasil, de entregar ao povo brasileiro um programa que prometeu em campanha para valer o nosso voto e a montar para o país um plano de salvação para um povo viciado e desesperado.

 

Mostrar um Brasil que funciona, e muito bem. Tanto em áreas que historicamente sabemos que nunca irão funcionar bem, como saúde, educação e segurança, parecem ser dois heróis fantásticos pelo Brasil que prometeram em suas campanhas com as cores do país, multiplicando as alegrias de um povo esperançoso por mudanças e salvação.

 

O novo herói presidente eleito terá nestes quatro anos que trabalhar de forma estratégica no andamento do seu governo para devolver um pouco da autoestima e, com certeza, deixar uma grande reflexão ao fim de seu mandato, que ainda não está bem decifrada e compreendida: tudo funcionou porque houve planejamento e gestão.

 

Ironicamente disse George Pinheiro, o que mais nos falta no Brasil, com toda a certeza, é agregar estes dois importantes itens (planejamento e gestão), na vida do país. 

 

Precisamos um padrão de comportamento nacional como forma de trabalho às claras e aberta. A virada que tanto torcemos passa, necessariamente, pelos exemplos de excelência dos bravos empresários brasileiros que lutam contra uma máquina pesada de descontrole público e tarifas aviltantes de impostos e punições para quem quer produzir neste país.

 

Precisamos de exemplos de projetos com planejamento e gestão que mobilize, que produz neste país, pois nada adianta distribuir o pão se não tem quem plante e colha o trigo, e não é só isso, precisa-se de alguém que prepara a farinha para ser distribuída, dentro de uma organização de excelência.

 

Senhores candidatos a presidente, passada a campanha, depois de eleito, pense um pouco mais em quem produz, nos agricultores, nos empresários da indústria e do comércio, e assim terás dinheiro para aplicar na saúde, educação e segurança.

 

Até a próxima!


Jaime Folle

Colunista

Formado em empreendedorismo, é um dos mais renomados palestrantes do Sul do Brasil. Está na área desde 2005. É também escritor de vários livros.

jaimefolle@jaimefolle.com.br


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.