Pegue um café e se acomode

Por Kiane Berté

23/10/2019 14:45 - Atualizado em 24/10/2019 08:34



Olá, caros leitores

 

Sejam muito bem vindos ao meu novo espaço de leitura. Para quem já me conhece, para aqueles que vieram lá da plataforma Wattpad, sintam-se a vontade para ler, comentar, discutir, amar e odiar os meus personagens, assim como vocês sempre fazem, haha. Para os novatos de plantão, também desejo boas vindas e espero conquistar o coração de vocês em cada capítulo postado aqui.

 

Faço parte da família Oeste Mais desde 2016, quando tive minha primeira experiência como jornalista e onde trabalho como repórter atualmente. Agora, passarei a ser uma das colunistas também. Meus textos aqui vão ser um pouco diferentes: ao invés de compartilhar a minha opinião sobre algo, vou presentear vocês com os capítulos do meu novo livro 'Código Azul'.

 

É ISSO AÍ!

 

Vocês vão poder ler minhas histórias todas as sextas-feiras, quando chegarem em casa do trabalho, da escola ou da faculdade... E decidir se vão querer continuar ou não, hihi.

 

Minha trajetória na literatura

 

Eu nunca fui uma pessoa ativa na leitura, mas desde que conheci a escritora britânica, Lesley Pierse, e os romances de tirar o fôlego que ela escreve, não via mais sentido em não ler. Ela me cativou e me prendeu em suas obras com palavras magníficas e com todo aquele charme dos personagens.

 

(Para quem ficou curioso e quiser ler as obras delas, lá vai: Belle [o melhor livro que li na vida]; Roubada; Sonhos Proibídos; Entre o Amor e a Paixão [continuação de Belle])

 

Depois de ler as obras dela e diversos outros romances que conheci na plataforma de leitura e escrita Wattpad – escritos por autores amadores – abri o Word e decidi que iria contar as minhas próprias histórias. Fazer com que o leitor se prendesse nos contos que se passavam em minha cabeça, da maneira que eu me sentia quando lia livros de outras pessoas.

 

No Wattpad eu comecei lendo o romance ‘Cruel’, escrito pela queridíssima Bianca Ribeiro, moradora de São Paulo. Desde então, passei a procurar por obras parecidas na plataforma e todos os dias lia algo que encontrava por lá.

 

Publiquei meu primeiro livro em agosto de 2018 [presente de aniversário de mim para mim mesma] e, a partir daí, decidi que era isso o que eu queria fazer todos os anos. Porém, como alguns já sabem publicar um livro é bem difícil. Para você escrever já é complicado, imagina então publicar. Envolve dinheiro. Muito dinheiro na verdade.

 

Sem falar que não dá pra confiar sua obra 100% nas editoras que temos por aqui.  Não é fácil entrar numa editora grande e boa, mas é o que todos os escritores sonham; assim como eu.

 

Me frustrei muito ao contratar uma editora para cuidar do meu primeiro filho, 'Resistência', e a partir daí, não tive mais coragem de abrir os braços e entregar ele novamente para outra editora qualquer. Por isso, decidi que vou divulgar por aqui mesmo, pelo menos até que eu possa ter uma nova oportunidade, com uma editora de confiança.

 

O livro ‘Código Azul’ que vocês vão ler nos próximos dias, vai ser publicado como livro físico sim, mas eu ainda não sei quando. Então, vocês vão poder conhecer um pouquinho da minha cabeça através dele. Leiam e se divirtam, chorem e amem... Façam dos personagens sua família e recebam eles de braços abertos.

 

Agora uma frase de impacto de uma pessoa muito sábia para vocês refletirem: "Nada na sua vida vai ser mais importante do que quantos livros você leu", FN.

 

Até a próxima!

 

 


Kiane Berté

Colunista

Kiane Berté tem 25 anos e trabalha como jornalista e fotógrafa. Nas horas vagas escreve suas histórias de romance curiosas e sonha junto delas com um mundo mais encantado e cheio de amor. Sonhadora, ela vê através das páginas de um bom livro a oportunidade de viajar para onde quiser sem sair do lugar

kianecdk@hotmail.com


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.