Inspirar-se pode salvar você de seus piores dias. Aprenda!

Por Edipo Paggi

09/05/2018 08:35



Sempre que eu sento, faço meu chimarrão para escrever, me inspiro e sintonizo um tema que possa de fato ajudar a você leitor a mudar a sua atual situação de vida. Neste momento acontece algo muito louco comigo, pois é como se por algum instante o universo todo estivesse conversando comigo e me sinalizando um tema capaz causar uma mudança significativa de estado emocional nas pessoas aqui conectadas. E hoje esta coluna é sobre isso mesmo! Inspiração. Quando foi a última vez que você se sentiu, de fato, inspirado em algo ou alguém, que neste grande mundo — muitas vezes incompreendido — nos traz uma luz a ser guiado. Como a inspiração pode salvar você do sofrimento? Em quem se inspirar? Let’s go!

 

Inspire. Expire. Não pire. De novo...

 

Inspirar-se vai para muito além da ação de tomar o ar adentro dos pulmões. Inspiração é um conjunto de sentimentos, sensações e emoções que quando sentidos juntos, nos permite dar um norte a algo que estamos vivenciando. Inspirar-se é sair do automático e sentir que o mundo vale muito mais a pena ser vivido quando damos sentido a ele. Se você anda meio perdido, às vezes é a falta de inspirar-se em algo ou alguém para continuar.

Foto: Molly Lichten

Inspirar-se pode salvar você de seus piores dias

 

Dias ruins, dias ótimos, dias épicos, dias desastrosos, mas dentre todas essas experiências quem define a diferença entre trauma x anticorpos é você. O que acontece se você acabar inspirando ar poluído dos autos que passam no asfalto todos os dias? Com certeza irá ter dificuldades respiratórias. Agora se você escolher ir para o meio da natureza e respirar entre eucaliptos, araucárias (muito comum no oeste catarinense) ao lado de um lago onde a poluição é consideravelmente diminuída referente à cidade? Com certeza você vai se sentir muito melhor. Você é quem escolhe qual tipo de ar você quer respirar.

 

Qual ar você quer inspirar?

 

Quais têm sido seus últimos ares inspirados? Qual a condição de vida das pessoas que te rodeiam? Como anda o clima do seu lar? Qual livro você lê? Qual o enredo do último filme que você viu? Assiste novela? Enfim, qual o ar que você anda respirando? Não adianta reclamar que tudo está dando errado com você se a sua inspiração diária é poluída e consequentemente distorcida. Escolhas podem mudar a sua forma de ver o mundo, mas precisa dar-se conta disso.

 

Afaste-se de pessoas tóxicas

 

Normalmente elas não sabem que são tóxicas, porém o seu envolvimento com elas com certeza irá influenciar na sua saúde em um contexto geral. Lembra? Você escolhe o ar que respira. Se o ar está poluído, escolha novos horizontes, novos lugares, novos bares, novas pessoas, novos livros, novos filmes, novos amores, faça um mate, converse com um amigo. Inspire-se diferente dos outros. Faça uma forcinha. Saia do automático. A não ser que de fato você tenha discernimento o suficiente para aprender com estas pessoas, muitas vezes, a não ser como elas ou fazer diferente delas. Isto é de uma sabedoria sem tamanho.

 

Os dias não tem sido fáceis. Inspire-se!

 

A internet me permite estar aqui falando diretamente com você. E você pode utilizá-la ao seu favor sempre. Principalmente se o contexto onde você está inserido é difícil. Procure bons textos para ler, vídeos inspiradores, palestras, filmes, livros que influenciem positivamente sua vida. Faça diferente. Faça para você e por você! Continuar onde você está depois de tudo isso que eu falei é pura ignorância. Dê esta chance a você e verás que o mundo é feito de inspirações diárias!

 

Parágrafo indispensável

 

E quando não tiver algo ou alguém para se inspirar... inspire-se em VOCÊ!

 

Até logo, Edipo.


Edipo Paggi

Colunista

Profissional Facilitador em Constelações Sistêmicas Familiares e Negócios segundo os ensinamentos de Bert Hellinger, pelo Instituto Ashteer do Brasil – Nelson Theston. Nossa temática está relacionada ao autoconhecimento e seu desenvolvimento, o pensamento sistêmico, as relações interpessoais e a espiritualidade livre de dogmas e religiosidade.

atendimentoedipopaggi@gmail.com


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.