Construir sem projeto é vantajoso?

Por Patricia Ampeze

31/08/2018 12:36 - Atualizado em 31/08/2018 12:39



É normal quando queremos construir começarmos a pesquisar sobre o assunto e nos depararmos com todos os custos envolvidos e ficarmos um pouco preocupados. Não queremos abrir mão do nosso sonho e então começamos a pensar nas possiblidades de economizar e quase sempre a primeira coisa que pensamos ser desnecessária é pagar alguém para projetar. Questionamos a importância de se fazer o projeto, pensamos que podemos ver algum modelo na internet e fazer igual, contudo, isso pode acarretar uma série de problemas a curto e longo prazo. Para começar, a ideia encontrada na internet é generalista, muitas outras pessoas terão acesso ao mesmo modelo, nenhum condicionante é considerado, itens importantíssimos como o terreno, a localização geográfica, a orientação solar, os ventos não são analisados, ficando à mercê de construir algo que não condiz com a realidade local.

Foto: Shutterstock

Além disso, construir sem projeto e sem acompanhamento técnico pode acarretar em:

 

- Notificações e multas provenientes dos órgãos fiscalizadores e possível ordem de demolição;

 

- Desperdício de materiais;

 

- Estruturas dimensionadas incorretamente que podem elevar os custos quando superdimensionadas ou apresentar problemas gravíssimos quando subdimensionadas, tais como trincas, fissuras, rachaduras, desabamento de partes ou totalidade da edificação;

 

- Não obter licença para utilizar o imóvel. Já pensou construir e não poder usufruir do ambiente? Isso já é realidade em muitos municípios que possuem legislação própria e que fazem a lei valer;

 

- Não conseguir financiamentos e empréstimos relacionados à obra;

 

- Não conseguir adquirir seguro para o imóvel, nem penalizar ninguém caso ocorram problemas na construção, pois não haverá nenhum responsável técnico pela obra;

 

- Correr o risco de a obra iniciar e nunca terminar.

 

Portanto, a resposta é NÃO! Construir sem projeto é sinônimo de gastos inesperados e jamais será de economia.

 

É EXTREMAMENTE IMPORTANTE CONTRATAR ALGUÉM PARA PROJETAR E PLANEJAR A SUA OBRA.

 

E saiba que os custos com o projeto são relativamente baixos, variando de 2% a 8% do custo total da obra, enquanto, estima-se que as “surpresas” provenientes da falta de planejamento tornam a obra em média 50% mais cara e estão associadas a muito stress e atrasos, ou seja, construir sem acompanhamento técnico é dar um tiro no próprio pé.

 

Além de tudo, a contratação de um profissional irá garantir o melhor aproveitamento de espaços e do terreno, qualidade estética e funcional, economia de materiais, apoio técnico em todas as fases, projeto elaborado de acordo com as leis e normas, redução de erros durante a execução da obra, maior segurança e melhor custo-benefício.

 

Então não faça obra sem projeto! Procure profissionais capacitados e habilitados para acompanhar todas as fases da sua obra, evitando preocupações e gastos desnecessários.

 

Forte abraço e até a próxima!


Patricia Ampeze

Colunista

A arquiteta e urbanista Patricia Ampeze concilia a profissão com a carreira pública. Aficionada por arquitetura, design, criatividade e inovação, aborda assuntos relacionados à área, esclarecendo dúvidas e compartilhando conhecimento.

arquitetapatriciaampeze@gmail.com


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.