Nascemos com as mesmas chances ou não?


Por Jaime Folle

03/05/2022 21h15



“O segredo do sucesso não é correr atrás das borboletas, e sim, cuidar do jardim para que elas venham até você” (Shakespeare).

 

Uma pergunta ronda o mundo há muito tempo: por que alguns trabalham muito e ganham pouco, enquanto outros trabalham pouco e ganham muito? É difícil se acostumar com a ideia de que nascemos todos com as mesmas chances de brilhar, porém poucos brilham de fato. Você chega cedo ao trabalho, entrega tudo no prazo, se dá bem com seus colegas e conhece os processos como ninguém. Ainda assim, está há anos no mesmo cargo, fazendo o arroz com feijão de sempre. De repente, chega um novato na área. Ele é jovem, tem as roupas da moda, se deu bem com a chefia e, pior, começou a abocanhar os melhores projetos, e em seis meses lá está ele, promovido, na vaga que deveria ser sua e virou seu chefe.

 

O sucesso não vem por acaso, mas sim por meio de algumas regras simples que todos nós podemos aprender, como investir mais tempo na construção de suas ideias práticas de negócios que produzirá uma renda residual crescente, ao contrário da maioria das pessoas que trocam tempo por dinheiro.

 

Segundo o princípio de Pareto, enquanto 80% das pessoas reclamam da “situação”, do chefe, do país e ficam procurando desculpas, os outros 20%” assumem a responsabilidade e procuram oportunidades para alcançar os seus objetivos, e para desespero dos medíocres da nação, a ciência está descobrindo que todo mundo (e isso inclui você) teria potencial para ser a bolacha mais recheada do pacote, o gás da Coca-Cola, e não é. Por isso, em cada ano, para que as borboletas continuem a pousar no seu jardim, é preciso refazer os canteiros, adubar a terra, plantar novas sementes e, também, admirar novos sons, colorir a vida com novas cores e provar novos temperos.

 

Assim, quando olhar para o céu, você vai perceber que algumas estrelas brilham mais do que as outras, com os seres humanos acontece a mesma coisa. Não obstante, nosso brilho pode ser modificado: podemos brilhar mais ou menos, dependendo de nossas aspirações e da nossa autoconfiança, e o sucesso está dentro de você e não fora, como muitos pensam. Cada um deverá brilhar de acordo com o seu tamanho e ir aumentando este brilho com seu próprio talento, suas próprias condições, com habilidade e percepção de que o sucesso está dentro e não fora de você. Pense nisso nesta semana!

 

Até a próxima!

Jaime Folle

Formado em empreendedorismo, escritor de vários livros e um dos mais renomados palestrantes do Sul do Brasil. Atuante na área desde 2005.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.