Como saí de uma 125 para mais de 1000 cilindradas em quatro anos?


Por Jeferson Rubens Coppini

26/09/2021 16h11



Fala gurizada, tudo beleza? Conta aí, você anda de moto? Há quanto tempo? Quantas motos já passaram pela sua garagem?

 

Hoje vou resgatar um vídeo que publiquei no início do ano lá no YouTube e trazer o conteúdo aqui para vocês na nossa coluna. Nesse bate-papo de uma pessoa só, conto como saí de uma Honda CG Today e cheguei à Indian Scout em quatro anos.

 

Alguns já iniciam no mundo das duas rodas com motocas maiores. Este não foi meu caso. Meu começo foi com essa 125 cc – mais velha que eu – e gradativamente fui avançando nas cilindradas até chegar ao motor de 1.133 cc da Scout.

 

Ao todo, cinco motos passaram pela minha garagem durante este período. Confira o vídeo e veja um pouquinho sobre a história de cada uma delas.

 

Lá no canal tem vídeo novo (quase) toda semana. Dessa vez não trouxe conteúdo extra aqui na coluna, mas se quiser conferir o vídeo dessa semana, acessa o link do CoppRide.

 

A gente se vê na estrada!

Jeferson Rubens Coppini

Publicitário e membro do Oeste Mais, aqui neste espaço o assunto será motociclismo! #ForçaCustom


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.