Interiores de um quarto compacto: possibilidades para deixar o espaço bonito e funcional


Por Francine Gabrielli

13/04/2021 13h38 - Atualizado em 14/04/2021 11h23



A tendência da construção civil de moradias compactas vem tornando os quartos pequenos cada vez mais comuns, principalmente nas grandes metrópoles. Todo mundo sonha com um quarto imenso, porém, nem sempre é possível, e tudo bem, ninguém precisa entrar em desespero, pois há um universo de possibilidades para transformar seu quarto em um espaço bonito e funcional, e isso está ao alcance de todos.

 

O primeiro passo é avaliar as demandas que o espaço precisa (necessidade) como móveis e objetos que são essenciais.  Assim como todo espaço, o bom aproveitamento é indispensável e isso está diretamente ligado à distribuição adequada dos móveis, que influenciam não só na estética do quarto, mas também na sua função. Hoje vou mostrar algumas alternativas gerais que vão lhe ajudar, muitas dessas opções podem ser aplicadas em outros espaços da casa.

 

1. Elimine coisas supérfluas: com o tempo muitas vezes acontece de acumularmos coisas, seja elas quais forem. Isso vale desde o sapato antigo até o tapete que fica muito pequeno, cadeira que não usa mais, itens de decoração que não transmitem sua identidade. Pode parecer estranho, mas faça isso sempre que puder deixar o espaço mais leve, ajuda não só seu dia a dia, mas torna o espaço menos poluído visualmente e cede espaço para o que realmente é útil.



2. O uso das cores: cores claras são ideais para esse tipo de espaço, pois ela tem o poder de criar “amplitude”, por isso deixe as cores mais fortes e vibrantes apenas para os detalhes como as almofadas, roupas de cama, tapetes, etc.



3. Criatividade para armazenar: explore espaços disponíveis para guardar itens, um ótimo exemplo e bem fácil de ser adquirido é a cama box com báu, que são perfeitos para guardar malas, cobertores e utensílios que ocupam bastante espaço. Cestas decorativas também entram nessa pois além de funcionais deixam o espaço bem elegante, caixas sustentáveis, etc. Enfim, se aproprie de pequenos detalhes para tornar seu quarto limpo visualmente e bem funcional.

 

4. Móveis certos: sem dúvida a peça mais importante do quarto é a cama, por isso ele deve servir de guia para os demais móveis ao seu redor. Lembre-se de levar em conta as dimensões do quarto e não errar na largada. Outro item que pode ajudar e muito são móveis com portas de correr que podem até ser de espelho (também proporciona amplitude se usados de maneira certa), essa possibilidade aumenta o espaço de circulação dos elementos laterais da cama.



5. Faça uso certo da parede: use-a seu favor. Prateleiras, fotografias, obras de arte, cabideiros de parede também são uma ótima opção, pois além de serem práticos existem vários lindos e fofos no mercado. E não se esqueçam em manter apenas objetos que revelem sua identidade, sem itens sobrecarregados e desnecessários. Crie uma superfície limpa, capaz de ampliar seu pequeno/grande espaço.

 

Dicas simples que funcionam, temos! Como tema de casa, vou pedir pra vocês avaliarem todos esses itens ai, no seu quartinho (ou qualquer outro cômodo) e me contar depois se eles te ajudaram de alguma forma. Se você gostou das dicas ou possui alguma sugestão de conteúdo, aproveita a visita e me diz o que você achou sobre as dicas por aqui. Grande beijo e até a próxima!



Francine Gabrielli

Natural de Ponte Serrada, Arquiteta e Urbanista formada pela Unochapecó, apaixonada por arquitetura de interiores. Falará sobre temas diversos que envolvem arquitetura, escrita de modo simples, versátil e didático tendo como propósito levar opções práticas para o leitor.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.