Líder perde e o Brasileirão embola; Santos, Grêmio e Palmeiras de olho na Libertadores


Por Jarbas Ritter de Ramos

14/12/2020 13h52 - Atualizado em 14/12/2020 13h52



Brasileirão

 

A derrota do São Paulo no clássico diante do Corinthians reascendeu as esperanças de um monte de time por aí. O tricolor jogou mal, e não conseguiu superar um fantasma que o assombra há alguns anos, jogar no Itaquerão. Não tem jeito, pode estar melhor, ter o melhor time, viver um momento bom, não importa, na casa do Corinthians, o São Paulo é freguês.

 

O resultado foi comemorado e muito por Galo e Flamengo, que venceram na rodada e com isso encurtaram a distância para o líder. Ambos estão somente com o Brasileirão nessa reta final de temporada, e são os dois principais concorrentes do São Paulo ao título.

 

Outro que se deu bem na rodada foi o Palmeiras, derrotou o fraquíssimo Bahia, e com os tropeços de Fluminense e Grêmio, chegou ao G-4, nove pontos atrás do líder, com um jogo a menos, ainda tem chances, mas como permanece vivo na Libertadores e Copa do Brasil, não é hoje concorrente ao título.

 

Mesma situação vive o Grêmio, que ao empatar com o Goiás no sábado, praticamente abandonou a disputa, e deve focar agora nas Copas, especialmente na Libertadores, jogo decisivo nessa quarta-feira, em Santos.

 

O colorado venceu, mas não convenceu. Precisou de uma ajuda incrível da zaga do Botafogo para chegar ao gol da vitória, magra, mas que ajudaram o Inter a somar os três pontos e ficar vivo na busca da vaga direta da Libertadores, não vejo o colorado com chances de título.

 

Libertadores

Foto: Conmebol/Divulgação

Esse meio de semana é decisivo para os brasileiros ainda vivos na Libertadores da América. Na terça, o Palmeiras recebe o Libertad em casa, e precisa segurar o placar inicial para se classificar. Qualquer outro empate é ruim, se for um a um, pênaltis. Se for com mais gols, eliminação.

 

Na semana passada o alviverde fez uma partida ruim no Paraguai, mas mesmo assim, saiu sem ser derrotado, agora em casa é amplamente favorito, tem mais time que i adversário, e apesar de não ter torcida no estádio, joga num campo com grama sintética, outra vantagem para o duelo decisivo.

 

No dia seguinte, Santos e Grêmio definem uma vaga nas semifinais, e olha, o duelo promete. Em Porto Alegre o Santos foi melhor, adotou uma estratégia de esperar o Grêmio e jogar com velocidade nas saídas, e deu certo, vencia até os acréscimos do segundo tempo, quando sofreu o empate.

 

Na quarta-feira, a Vila Belmiro será palco desse enfrentamento, tudo está em aberto, assim como o Palmeiras, o peixe joga pelo zero a zero, mas se fosse apostar, eu colocaria minhas fichas num placar movimentado, com muitos gols nessa partida.

 

Série B

Foto: Chapecoense/Divulgação

A Chapecoense deve confirmar seu retorno à elite do futebol nacional ainda em 2020, isso porque, faltando 10 partidas, o Verdão do Oeste tem 13 pontos de vantagem para o quinto colocado, o CSA (CHA: 57 – CSA: 44). Até o final do ano são mais quatro rodadas, e as outras seis serão disputadas em 2021. Se manter o ritmo, acredito que a Chapecoense já se garanta, matematicamente, dentro de 2020.

 

O certo mesmo é que a Chapecoense está sobrando nessa edição da Série B, 28 jogos, 16 vitórias, nove empates e somente três derrotas, 32 gols marcados e apenas 12 sofridos, isso porque levou dois na vitória de sábado, 3x2 contra o CRB.

 

As demais vagas devem ser disputadas por no mínimo 10 times, América-MG, Juventude e Sampaio Corrêa estão hoje no G-4, porém mais sete times seguem vivos, CSA, Cuiabá, Avaí, Guarani, Ponte Preta, Confiança e Cruzeiro. Para mim, sobre junto com a Chape, o América Mineiro, o Juventude e o Cruzeiro, ainda acredito que Felipão conseguirá conduzir a Raposa de volta à Série A nessa temporada.

Foto: Márcio Cunha/ACF

Jogador Destaque da Semana

 

Foguinho é o destaque da semana, o meia da Chapecoense entrou em campo no sábado, e marcou o golaço que garantiu mais uma vitória para o Verdão do Oeste. Tratado com muito carinho pelo Verdão, Foguinho surgiu esse ano no Campeonato Catarinense, muito habilidoso, fez gols importantes nas competições, como esse de sábado, que deixa a Chape um passo mais perto da elite.

Jarbas Ritter de Ramos

Jornalista por formação, palmeirense de coração. Nascido e criado no Oeste catarinense, coordeno a Rádio 100.7 FM e trabalho com comunicação há uma década. Apaixonado por futebol e outros tantos esportes, do xadrez ao automobilismo, gosto de assistir e praticar. Falo sobre futebol e o que mais merecer destaque, de maneira leve e descontraída.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.