Libertadores está de volta, os tropeços dos líderes no Brasileirão e a Chapecoense dominando SC


Por Jarbas Ritter de Ramos

15/09/2020 09h25 - Atualizado em 15/09/2020 09h25



Foto: Márcio Cunha/ACF

Chape dominante em SC

 

A chapecoense é campeã catarinense, de maneira indiscutível o Verdão do Oeste voltou a vencer o Brusque, dessa vez dentro do Augusto Bauer e levantou a taça mais desejada do Estado. E esse cenário vem se repetindo nos últimos anos, a Chapecoense é hoje a referência de futebol em Santa Catarina. Nos últimos cinco anos, são três títulos catarinenses, 2016, 2017 e 2020.

 

Mesmo tendo passado pela tragédia de novembro de 2016, o Clube se reestruturou e seguiu fazendo boas campanhas, ano passado acabou com o rebaixamento, mas mesmo assim, em 2020 o Verdão se recuperou e agora deve brigar por uma das quatro vagas para voltar à Primeira Divisão.

 

Tropeços dos favoritos

 

A rodada do fim de semana foi no mínimo estranha, afinal, apenas o Atlético Mineiro e o Vasco conseguiram vitórias entre as equipes que estavam nas primeiras colocações. Inter, São Paulo, Flamengo e Palmeiras tropeçaram, destes, apenas o São Paulo não pode reclamar, pois empatou fora de casa o clássico com o Santos, os demais torcedores estão muito bravos.

Foto: Ricardo Duarte/Inter

Flamengo e Inter perderam fora de casa, para Ceará e Goiás, respectivamente. Derrotas que não estavam nos planos, principalmente do Colorado, que contra o lanterna Goiás, jogou com um a mais os 90 minutos, e mesmo assim, conseguiu ser vazado pelo esmeraldino.

 

Já o Palmeiras empatou em casa com o Sport, resultado muito ruim para o ainda invicto time de Luxemburgo, mas que está deixando a desejar no desempenho. Quem também decepcionou foi o Grêmio, que depois de vencer o Bahia fora de casa parecia que ia embalar, mas não foi bem assim, empatou em casa com o Fortaleza e segue no meio da tabela.

 

Volta da Libertadores

 

O meio de semana é de retorno da competição mais importante do continente, a Libertadores da América. Os sete brasileiros entram em campo, confira como cada um está, e o que esperar do jogo:

 

SANTOS X OLÍMPIA - Em casa, o líder Santos joga para disparar na ponta do Grupo G, o adversário é o segundo colocado Olímpia. O Peixe está muito bem nesse momento e tem boas chances de vencer.

 

JORGE WILSTERMANN X ATHLETICO-PR - No grupo mais parelho da Libertadores, todos com três pontos, o Furacão tem um jogo difícil na altitude boliviana, empate não é mau resultado.

 

BOLÍVAR X PALMEIRAS - Líder do Grupo B, o Palmeiras precisa provar que pode brigar por algo, bom jogo para isso, na altitude da Bolívia. Se vencer praticamente garante vaga no mata-mata.

 

INTER X AMÉRICA DE CALI - A dupla Grenal lidera o Grupo E, e o Inter precisa vencer para chegar tranquilo para o clássico na próxima rodada, empate ou derrota seriam muito ruins.

 

UNIVERSIDAD CATÓLICA X GRÊMIO - Num momento ruim no Brasileirão, tem um jogo teoricamente fácil, porém é fora de casa, e isso pode pesar um pouco, empate não seria ruim.

 

SÃO PAULO X RIVER PLATE - Outro grupo onde todos estão com três pontos, e o São Paulo de Diniz tem um jogo complicado. Não se sabe como está o River, o futebol na Argentina não retornou ainda, boa chance de vitória para o tricolor.

 

INDEPENDIENTE DEL VALLE X FLAMENGO - Outro jogo complicado é o do Flamengo, fora de casa disputa a liderança do grupo com os equatorianos sensações do continente, um empate lá seria bom.

 

Violência no futebol

Foto: Reprodução/GE

Não há espaço no futebol para cenas que assistimos nos últimos dias, a invasão de torcedores no treino do Figueirense e o ataque sofrido pelos jogadores do Corinthians no aeroporto são cenas lamentáveis e condenáveis.

 

O torcedor tem direito de cobrar, afinal futebol é paixão, mas a forma de fazer a cobrança é importante, e não devemos tolerar ataques violentos contra profissionais, que estão tentando fazer o seu trabalho.

 

O grande problema está em quem deveria punir isso, as imagens estão aí, todos podem ser identificados, até quando veremos isso acontecer e ninguém ser responsabilizado.

 

Jogador Destaque da Semana

Foto: André Durão/GE

O jogador da Semana é Matheus Babi, do Botafogo. No fim de semana o atacante foi o grande destaque da rodada, mesmo na derrota da sua equipe no clássico com o Vasco da Gama. O jovem atacante, de 22 anos, chegou ao Botafogo nesse segundo semestre, e vem sendo destaque, com boa estatura tem facilidade no jogo aéreo, mas vem surpreendendo com a qualidade técnica com a bola nos pés.

 

No domingo fez dois gols, um de fora da área e um dentro da pequena área, e só não fez o terceiro porque a trave, e depois o goleiro Vascaíno não deixaram. Vivemos dias em que a posição de atacante da seleção está em aberto, Babi está mostrando que tem potencial, precisa evoluir bastante, mas o começo é muito bom.

Jarbas Ritter de Ramos

Jornalista por formação, palmeirense de coração. Nascido e criado no Oeste catarinense, coordeno a Rádio 100.7 FM e trabalho com comunicação há uma década. Apaixonado por futebol e outros tantos esportes, do xadrez ao automobilismo, gosto de assistir e praticar. Falo sobre futebol e o que mais merecer destaque, de maneira leve e descontraída.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.