Que tal um remédio?


Por Lucas Tarlé

07/12/2019 08h16 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Olá, como você está hoje?

 

Lembra lá da sua mãe e da sua vó falando "Dormir é um santo remédio!" ou "Exercício é o melhor remédio"?

 

Preciso contar a vocês, elas estão mais que certas!

 

Quero conversar hoje sobre a diferença entre remédio e medicamento, "ué, mas eles não são a mesma coisa?!" Calma, vou explicar.

 

O remédio é qualquer coisa com o objetivo de te fazer bem, medicamento já é algo específico que precisa passar pela indústria, por um controle de qualidade e é fiscalizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

 

Remédio então pode ser um alimento que melhore sua indigestão, um chá calmante, alongamento ou massagem para aquela dor nas costas, meditação para melhorar a ansiedade, ou seja, uma infinidade de coisas.

 

Medicamento são compostos que passam por processos de industrialização, como por exemplo, as pílulas e comprimidos, isto é, aquela famosa dipirona que todo mundo tem em casa.

 

Como remédio é tudo aquilo que cura ou promove um bem-estar, o medicamento é um tipo específico de remédio.

Você faz uso de chás? (Foto: Pixabay)

Mas por que saber isso é importante??? 

 

É só para não esquecermos que temos muito mais coisas a nossa disposição além de apenas medicamentos.

 

Às vezes perdemos a oportunidade de usar os medicamentos junto a outras coisas que podem nos fazer muito bem. Por que usar só medicamentos para dor muscular se nós podemos associar compressas quentes, infusão de ervas anti-inflamatórias, massagem, alongamento, acupuntura, meditação para relaxar a musculatura e por aí vai?

 

Portanto, na próxima vez não perca a oportunidade, quando te receitarem um medicamento, também não deixe de dar ouvidos a sua vizinha, mãe ou avó, elas podem ter dicas interessantes. Combinar diferentes tipos de remédios com responsabilidade é sempre uma boa opção, mas não deixe de informar aos profissionais de saúde que te acompanham sobre isso, algumas coisas que te falam podem ser prejudiciais a sua saúde dependendo da situação.

 

Conta aí nos comentários aquela receita de vó que é tiro e queda para a saúde. A minha faz um melado de mel e agrião bem gostoso quando fico resfriado.

 

Ah! Não se esqueça de conferir aqui no oeste mais a coluna da Sacha, ela fala sobre plantas medicinais, um remédio cada vez mais usado no Sistema Único de Saúde (SUS).

 

A coluna do Reges também é imperdível, ele conversa sobre nutrição e atividade física, dois santos remédios.

 

Se você tem vergonha de comentar ou não tem facebook, pode deixar seu elogio, crítica ou sugestão neste formulário anônimo do google, não precisa se identificar.

 

Muito obrigado pela atenção, até a próxima!

Lucas Tarlé

Carioca de nascimento, gaúcho do Paraguai e baiano de coração, tem 26 anos, médico formado pela UNIRIO, adora tagarelar sobre ciência e saúde.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.