Vereador vai lançar abaixo-assinado pedindo instalação de hidrantes em Ponte Serrada

Por Câmara de Vereadores de Ponte Serrada

23/07/2021 15h54 - Atualizado em 23/07/2021 15h54



O vereador Robson Acunha pretende lançar na próxima semana um abaixo-assinado para pedir à Casan a instalação de hidrantes em pontos estratégicos no município de Ponte Serrada. A medida faz parte de uma campanha lançada por ele, nas redes sociais, após um incêndio destruir quatro casas no Bairro Cohab V, na noite do último domingo, dia 18.

 

Atualmente, o único ponto de abastecimento do caminhão do Corpo de Bombeiros fica no Bairro São Sebastião. “Temos muitos bairros e ainda todo o nosso interior e mais de 12 mil moradores que precisam de mais segurança contra incêndio”, destaca Robson.

 

Após conversa com o comando do quartel no município, o vereador informou os locais estratégicos de onde precisam ser instalados os hidrantes: Quartel de Bombeiros Militar de Ponte Serrada (Rua Primo Fachinello); Bairro CTG Pouso dos Tropeiros (Rua Adão Tobias); Marginal da BR-282 (em frente ao Hotel Chapecoense); e Vila Miranda (ponto centralizado do bairro).



“Só esse ano foram 13 casas que foram queimadas. Então a gente tomou a iniciativa, me coloquei à disposição para estar indo em busca desses hidrantes. É uma questão que todo mundo pode ser beneficiado com isso. A gente não pode esperar que mais casas queimem para tomar alguma atitude”.

 

Robson pretende agora mobilizar a população para juntar cerca de cinco mil assinaturas no abaixo-assinado. Depois, a intenção é promover uma audiência pública com representantes da Casan e formalizar o pedido em nome da comunidade. “Não podemos esperar que mais pessoas percam seus bens para termos atitude. Entre nessa luta para que alcançamos o objetivo”, pede.

Este conteúdo é de responsabilidade da Câmara de Vereadores de Ponte Serrada.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.