Mulher que furtou calcinhas, blusa e medicamento de hospital é condenada

Acusada foi condenada a pena de quatro meses de reclusão, em Concórdia

Por Oeste Mais

18/07/2019 15:57



Uma mulher que furtou três calcinhas e uma blusa de uma loja de Concórdia foi condenada a uma pena de quatro meses de reclusão. Além disso, a acusada também furtou um frasco de cloridrato de lidocaína de um hospital do município, após ter sido agredida pelo companheiro.

 

Após a sentença, ela recorreu ao Tribunal de Justiça alegando insignificância, já que os furtos teriam gerado um prejuízo de pouco mais de R$ 30. Foi determinado ainda que a mulher inicie o cumprimento da pena, já que a reclusão foi substituída por prestação de serviços comunitários.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.