Homem é condenado a 33 anos de prisão por estuprar, matar e roubar ex-namorada

Jovem foi encontrada por vizinhos que arrombaram a porta do apartamento onde ela morava

Por Oeste Mais

21/08/2019 16:05



Um homem acusado de estuprar, matar e roubar a ex-companheira de 20 anos, foi condenado a mais de 33 anos de prisão, em regime fechado, na última segunda-feira, dia 19, em Chapecó.

 

Conforme o Trubinal de Justiça, o crime ocorreu em julho de 2017, onde a jovem foi encontrada por vizinhos que arrombaram a porta do apartamento onde ela morava. A mulher estava com um sofá sobre a cabeça e com marcas de agressão pelo corpo. Ela foi socorrida, mas faleceu 20 dias após o crime. O autor fugiu com o carro da vítima.

 

Os jurados, quatro mulheres e três homens, reconheceram as qualificadoras de motivo torpe, uso de recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima e feminicídio.

 

O veículo foi encontrado em Brasília (DF). O acusado foi preso no estado de São Paulo em outubro do mesmo ano.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.