Homem de 70 anos é condenado pelo assassinato da sogra de 88 anos

Crime ocorreu em 2016 na residência da vítima na cidade de Herval d'Oeste

Por Oeste Mais

22/02/2018 14:17



Considerado culpado, homem foi condenado a 21 anos de prisão (Foto: Reprodução/Caco da Rosa)

Adalgizio da Rocha Araújo, de 70 anos, foi condenado nesta quarta-feira dia 21, pelo assassinato da sogra, ocorrido em julho de 2016 em Herval d'Oeste. Aurora Trevisan, de 88 anos, foi morta a facadas dentro da própria casa, ao lado de uma creche no Centro da cidade.

 

O assassino foi condenado a 21 anos de prisão por homicídio duplamente qualificado e a seis meses de reclusão por fraude processual. De acordo com as provas apresentadas, o réu cometeu o crime para que sua companheira, filha da vítima, retornasse com ele para Cuiabá (MS), onde residiam. A mulher estava em Herval d´Oeste para cuidar da mãe e estabeleceu como condição voltar somente após sua morte.

 

Além do homicídio, Adalgizio foi acusado de alterar a cena e esconder a arma do crime, que só foi encontrada por parentes da vítima durante uma limpeza no porão da casa em fevereiro de 2017. O pedaço de madeira estava enrolado em uma camisa.

Com informações do Caco da Rosa


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.