Ex-secretário é condenado por usar bens e serviços públicos para construir casa de campo

Trabalho foi desenvolvido por servidores, que eram transportados em veículo oficial e recebiam refeições custeadas pela administração

Por Redação Oeste Mais

30/05/2022 14h04



Um ex-secretário de obras de um município da Serra catarinense, não divulgado pelo Tribunal de Justiça, foi condenado por improbidade administrativa. De acordo com os autos, ele utilizou um maquinário, madeira e mão de obra pública para construir uma casa de campo.

 

O homem confessou ter edificado em seu sítio particular uma casa com madeira oriunda de um galpão de propriedade do município. O trabalho foi desenvolvido por servidores municipais, que eram transportados em veículo oficial e recebiam refeições custeadas pela administração municipal.

 

Ele terá que devolver aos cofres públicos aos valores ilicitamente obtidos na obra. A quantia será equivalente às madeiras pertencentes ao município, gasolina usada para os seis dias de transporte de ida e volta dos servidores até a propriedade, desgaste e manutenção do veículo e compensação pelos seis dias em que os dois servidores municipais se afastaram do trabalho.

 

O ex-secretário também terá que pagar multa civil equivalente à quantidade do acréscimo patrimonial.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.