Morador de Concórdia vai ser indenizado por achar pedaço de borracha em queijo

Havia um objeto semelhante a uma tira de chinelo dentro do alimento comprado no mercado

Por Redação Oeste Mais

10/05/2022 16h17 - Atualizado em 10/05/2022 16h19



Um consumidor do município de Concórdia vai ser indenizado em R$ 10 mil após ter encontrado uma borracha dentro de um queijo feito por um laticínio do Vale do Itajaí.

 

O idoso comprou o queijo em um supermercado da cidade do Oeste em novembro de 2019, e levou um susto ao encontrar o objeto semelhante a uma tira de chinelo.

 

O consumidor argumentou ainda que é transplantado de rins, o que fragiliza sua saúde e aumenta a vulnerabilidade diante de possíveis contaminações.

 

O magistrado ponderou que “a simples presença do corpo estranho em alimento configura, por si só, dano moral indenizável, sendo irrelevante para isto a efetiva ingestão do alimento ou de parte do corpo estranho”, em resposta à defesa.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.