Caminhoneiros chegam ao 13º dia de protesto em Santa Catarina

Estão obstruídos trechos em duas rodovias federais e em quatro estaduais

Por Oeste Mais

02/03/2015 09:11 - Atualizado em 25/10/2015 14:01



Os caminhoneiros continuam bloqueando trechos em rodovias catarinenses pelo 13º dia consecutivo. O balanço divulgado pela Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) às 8h30 desta segunda-feira, dia 2, indicava 11 pontos com bloqueios em dez cidades de Santa Catarina. Os trechos bloqueados ficam em duas rodovias federais e em quatro estaduais.

Na madrugada desta segunda, um trecho foi liberado. O km 71 da BR-470, em Indaial, na região do Vale do Itajaí, foi desobstruído. Segundo a PRF, o trecho foi fechado no final da tarde de domingo e aberto nas primeiras horas da madrugada.

A PRF prendeu seis adultos e apreendeu dois menores durante ação de desbloqueio da BR-158, em Cunha Porã e Palmitos, no Oeste catarinense, na noite deste domingo, dia 1º. Eles atiraram pedras contra caminhões que deixaram o bloqueio e também em uma viatura do órgão federal.

Liberação de dois pontos

Os policiais foram até os kms 109, em Cunha Porã, e 139, em Palmitos, após denúncias de que caminhoneiros estavam sendo obrigados a permanecer no bloqueio contra a vontade, conforme informou o inspetor da PRF da região de Chapecó, Ivo Silveira. A ação começou por volta das 18h30 deste domingo. "As equipes foram para o local para liberar os que quisessem sair. Cerca de 100 foram embora depois que chegamos", explica o inpetor. Ele afirma que após a liberação, os transportadores que foram embora passaram a ser alvo de um apedrejamento.

Caminhões tiveram os para-brisas quebrados por pedras jogadas em diferentes trechos da rodovia. Uma viatura da PRF também foi atingida. Durante a ação, os manifestantes e policiais entraram em confronto.

A polícia usou balas de borracha para dispersar os manifestantes que estavam nos kms 109, em Cunha Porão, e 139, em Palmitos. Às 22 horas, os dois pontos eram considerados liberados pela PRF. Os detidos foram levados para a Polícia Federal de Chapecó.

Outros bloqueios

Durante a tarde de domingo, grupos de caminhoneiros e moradores do Norte catarinense e Vale do Itajaí bloquearam trechos de rodovias federais. Em Araquari, caminhoneiros queimaram pneus e interditaram a BR-101, no km 57, perto do acesso à BR-280. O trecho foi liberado cerca de 30 minutos depois.

No Vale do Itajaí, outro grupo fez uma manifestação pacífica às margens do km 59, no acesso à Pomerode. Eles não chegaram a bloquear a rodovia, mas o trânsito ficou lento no local, segundo a PRF.

Pouco mais à frente, outro grupo de manifestantes interditou a BR-470, por volta das 15 horas. Até as 23 horas, o bloqueio era mantido, conforme a PRF. Não havia detalhes sobre as condições do trecho e das filas formadas na região. No sábado, aconteceu o primeiro protesto, mas a via foi liberada cerca de duas horas depois.

Confira os trechos bloqueados nesta segunda, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar Rodoviária (PMRv):

BR-163, no km 83,6, em Guaraciaba
BR-163, no km 101, em São José do Cedro
BR-163, no km 111, em Guarujá do Sul
BR-282, no km 581,7, em Pinhalzinho
BR-282, no km 605 (trevo), em Maravilha
BR-282, no km 645,6, em São Miguel do Oeste
SC-157, no km 1, em São Lourenço do Oeste
SC-157, no km 54,48, em Quilombo
SC-163, no km 58,315, em São Miguel do Oeste
SC-160, no km 0, em Campo Erê
SC-386, no km 1, em Iporã do Oeste





G1 / SC


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.