Ponte Serrada integra lista de cem cidades que ganharão câmeras de segurança em SC

Sistema de videomonitoramento urbano também será instalado em Irani, Faxinal dos Guedes, Catanduvas e outros 96 municípios

Por Oeste Mais

15/05/2013 22h36 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Mais cem municípios catarinenses contarão com câmeras de vigilância nas ruas. Ponte Serrada está na lista. A expectativa é de que os equipamentos estejam em operação até abril de 2014. Hoje o sistema já contempla 54 cidades e 1.254 câmeras estão em operação nas ruas.


A Secretaria da Segurança Pública (SSP) concluiu nesta quarta-feira, dia 15, a relação das 100 cidades que receberão o sistema de videomonitoramento urbano. Os critérios adotados para escolha dos municípios vão desde a população, incidência criminal, localização geográfica ao interesse das prefeituras, pois elas participam com contrapartida.


De acordo com o secretário da SSP, César Grubba, é necessário que o município assine convênio com o Estado para receber o sistema. Estão sendo oferecidas cinco categorias de projetos para a instalação de seis a dez câmeras de vigilância por cidade. A contrapartida das prefeituras varia de R$ 80 mil a R$ 105 mil.


Os recursos são do Pacto da Segurança. Serão R$ 10 milhões para instalação de mil novas câmeras de vigilância. A promessa é que todas as regiões serão beneficiadas. O Oeste e o Meio Oeste são as que possuem o maior número de interessados em instalar o sistema. São 36 cidades atendidas. Na sequência, a região Norte, com 20 municípios, seguido do Sul (18), Vale do Itajaí (15), Planalto (10) e Grande Florianópolis (1).


De acordo com o secretário, a intenção é instalar câmeras de vigilância no maior número possível de cidades. “O projeto é importante, mas não é a solução milagrosa para os problemas de segurança. Trata-se de uma ferramenta de apoio ao trabalho policial, potencializando as ações de vigilância”, assinala Grubba. Ainda segundo o secretário, a previsão é de que até o final de 2014 mais de 60% dos municípios estejam trabalhando com o sistema de videomonitoramento.


As imagens monitoradas são compartilhadas com a Polícia Civil, auxiliando na identificação de criminosos e no trabalho investigativo. Conforme a SSP, estatísticas mostram redução criminal em áreas monitoradas. Por exemplo, queda de 70% nos arrombamentos praticados fora do horário comercial.


As cidades que ganharão câmeras:


Região de Chapecó Pinhalzinho, Palmitos, Águas de Chapecó, Ponte Serrada, Quilombo, São Carlos, Abelardo Luz, São Domingos. Xaxim. São Lourenço do Oeste, Faxinal dos Guedes.


Região de Blumenau Rodeio, Pomerode, Rio dos Cedros, Benedito Novo, Ascurra.


Região de São Miguel do Oeste Guaraciaba, Descanso, Itapiranga, Cunha Porã, Mondaí, Iporã do Oeste, Palma Sola, Campo Erê, Maravilha, São João do Oeste, São José do Cedro, Dionísio Cerqueira.


Região de Balneário Camboriú São João Batista, Canelinha, Nova Trento, Porto Belo.


Região de Rio do Sul Rio do Oeste, Ibirama, Braço do Trombudo, Pouso Redondo, Taió, Ituporanga, Lontras.


Região de Caçador Caçador, Fraiburgo, Videira.


Região de Brusque Brusque, Guabiruba, Ilhota


Região de Araranguá Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Praia Grande, Passo de Torres, Jacinto Machado, Santa Rosa do Sul, Turvo.


Região de Concórdia Irani, Itá, Seara.


Região de São Bento do Sul Rio negrinho.


Região de Biguaçu Governador Celso Ramos.


Região de Navegantes Penha, Luiz Alves.


Região de Herval D'Oeste Capinzal, Água Doce, Campos Novos, Ouro, Catanduvas, Luzerna, Treze Tílias.


Região de São Francisco do Sul Araquari, Itapoá.


Região de Canoinhas Campo Alegre, Irineópolis, Bela Vista do Toldo, Major Vieira, Porto União, Três barras.


Região de Tubarão Sangão, Jaguaruna.


Região de Lages Urubici, Correia Pinto, Anita Garibaldi, Otacílio Costa, Alfredo Wagner, Bom Retiro.


Região de Joinville Garuva.


Região de Criciúma Siderópolis, Cocal do Sul, Nova Veneza


Região de Mafra Mafra, Itaiópolis, Papanduva, Monte Castelo.


Região de Curitibanos Curitibanos, Timbó Grande, Lebon Régis, Santa Cecília.


Região de Içara Lauro Muller, Morro da Fumaça, Orleans.


Região de Braço do Norte Gravatal.


Região de Imbituba Imaruí, Paulo Lopes.

SSP / DC


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.