Jogadores do Figueirense não entram em campo e time perde por W.O. na Série B

Com salários atrasados, atletas se recusam a jogar na noite desta terça-feira

Por Oeste Mais

21/08/2019 00:04



Jogadores do Cuiabá perfilados para o hino nacional, enquanto os do Figueirense nem subiram ao gramado (Foto: Olímpio Vasconcelos)

Sem pagar o direito de imagem do elenco desde maio e o vencimento em carteira referente ao mês de julho, o Figueirense perdeu por W.O. (placar de 3 a 0) na noite desta terça-feira, dia 20, após os jogadores não entrarem em campo para enfrentar o Cuiabá na Arena Pantanal, em jogo válido pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O clube também está sem recolher o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

 

Por volta das 20h20, com 50 minutos de atraso em relação ao cronograma inicial, os jogadores do Figueirense deixaram o hotel em direção à Arena Pantanal. No vestiário, permaneceram por 40 minutos, enquanto os jogadores do Cuiabá realizaram o aquecimento no gramado. Na sequência, voltaram ao veículo e foram embora, sem dar entrevistas.

 

O árbitro da partida, Pathrice Wallace Corrêa Maia, seguiu o protocolo e aguardou 30 minutos, mas os jogadores da equipe catarinense não foram ao gramado. Maia então determinou o fim da partida. O caso será relatado na súmula.

 

A paralisação do elenco do Figueirense começou na tarde da última sexta, quando os jogadores não se reapresentaram após a derrota por 1 a 0 para a Ponte Preta em Florianópolis. A atitude se repetiu no fim de semana. No domingo, por meio de nota, a diretoria afirmou que quitaria o salário CLT de julho e os dois meses de direitos de imagens em atraso no próximo dia 28 de agosto. Na sequência, os atletas rebateram o comunicado e exigiram o pagamento até esta terça, e se não recebessem, não entrariam em campo, como de fato ocorreu.

 

Nota do Figueirense

 

Minutos após o W.O. ser confirmado, a diretoria do Figueirense se pronunciou por meio de uma nota oficial. Leia na íntegra:

 

O Figueirense Futebol Clube comunica que a decisão de promover o W.O. na partida da Série B do Campeonato Brasileiro desta terça-feira, 20 de agosto, contra o Cuiabá, em Mato Grosso, é exclusiva dos jogadores profissionais relacionados para o confronto.

 

Vale ressaltar que a comissão técnica se apresentou normalmente para a disputa e o setor de logística do Alvinegro promoveu todos os procedimentos prévios para entrada em campo dos atletas.

Com informações do Globo Esporte


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.