VÍDEO: Há cinco anos, Chapecoense comemorava a classificação para a final da Sul-Americana

Equipe do Verdão disputou a partida contra San Lorenzo da Argentina, no dia 23 de novembro de 2016

Por Redação Oeste Mais

23/11/2021 10h44 - Atualizado em 23/11/2021 10h51



Jogadores da Chapecoense comemorando a final da Copa Sul-Americana (Foto: Divulgação)

­­As últimas semanas do mês de novembro são repletas de lembranças para o torcedor da Chapecoense. Há exatos cinco anos, no dia 23 de novembro, o Verdão do Oeste conquistava a vaga na final da Copa Sul-Americana, em um emocionante confronto com o San Lorenzo da Argentina.

 

Naquela partida, o eterno goleiro Danilo ficou eternizado nos corações verde e branco após defender uma bola com o pé, aos 48 minutos do segundo tempo.

 

Diante de mais de 17 mil torcedores na Arena Condá, em Chapecó, o Time de Guerreiros conseguiu segurar a pressão dos argentinos e garantiu a classificação com o placar de 0 a 0.

 

Após o jogo decisivo, a Chapecoense comemorou no vestiário a noite histórica, em um vídeo que ficou marcado na lembrança de todos os torcedores (assista abaixo).

Tragédia 

 

A comemoração da Chapecoense durou apenas seis dias. A Final da Copa Sul-Americana seria disputada entre o Verdão e o Atlético Nacional, da Colômbia, no dia 30 de novembro de 2016, no Estádio Atanasio Girardot, em Medellín.

 

Enquanto se deslocava para disputar a tão sonhada partida, a equipe da Associação Chapecoense de Futebol se envolveu em um acidente aéreo, que resultou na morte de 71 pessoas, entre jogadores, dirigentes, comissão técnica, tripulantes e jornalistas.

 

Com um total de 77 pessoas a bordo, a aeronave que realizava o voo caiu perto do local chamado Cerro El Gordo, por falta de combustível.  

 

Por conta da tragédia, a Chapecoense foi declarada campeã após o Atlético Nacional enviar um pedido à Conmebol para que se reconhecesse o clube brasileiro como tal, como forma de homenagem às vítimas e à equipe brasileira.

Com informações do Clic RDC


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.