Ponte Serrada terá núcleo de escolinha da Chapecoense; cinco alunos já treinam no clube

Ouça a entrevista com o professor Edson Pavan Bazi, responsável pelos treinamentos na escola "Inho Futebol d'Primeira"

Por Oeste Mais

14/07/2021 14h03 - Atualizado em 14/07/2021 14h49



Jogar futebol profissionalmente é o sonho que nasce com muitas crianças brasileiras e em Ponte Serrada não seria diferente. Com o intuito de incentivar essas crianças e jovens, nasceu entre o final de 2017 e o início de 2018 a escola "Inho Futebol d'Primeira", com um objetivo único e claro: formar cidadãos. Os valores que os alunos aprendem nas aulas vão além das quatro linhas e servirão para toda a vida.

 

Com sede localizada da Arena Rio do Mato, a escolinha de futebol, comandada pelo professor Edson Pavan Bazi, carinhosamente conhecido como Inho, vem ganhando destaque na região com atletas que desde pequenos já demonstram aptidão ao esporte.

 

O talento dessas crianças de Ponte Serrada cativou os olhares do grupo técnico da escolinha da Chapecoense. Cinco atletas da escolinha do Inho já iniciaram os treinamento em Chapecó. Em conversa com o Oeste Mais, Edson destaca quem são os alunos e como funciona a adaptação do treinamento dentro das bases da Chapecoense. (Ouça a entrevista mais abaixo).

 

Leia também: Com apenas nove anos, menino de Ponte Serrada joga na base da Chape e é grande promessa no esporte

Escolinha "Inho Futebol d'Primeira" tem atualmente 90 alunos (Foto: Divulgação)

Além de destacar atletas, uma grande novidade para o município é a vinda de um núcleo da escolinha da Chapecoense para Ponte Serrada. Em parceria com a escolinha do Inho, os trabalhos devem ser iniciados a partir do mês de setembro, para criança de adolescentes entre 3 e 15 anos.

 

Muito além de um sonho profissional, as escolinhas de futebol tem como função específica o bem-estar das crianças e adolescentes. A prática esportiva está ligada diretamente aos cuidados com a saúde e a diversão.

 

Ouça a entrevista:

Crianças que já treinam com a Chapecoense (Foto: Divulgação)

COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.