Renato Gaúcho testa positivo para Covid-19 e não viaja com delegação do Grêmio

Treinador foi vetado pelo departamento médico para viagem a Quito, onde time vai enfrentar o Independiente Del Valle nesta semana

Por Oeste Mais

05/04/2021 14h09



Renato Gaúcho, treinador do Grêmio, testou positivo para a Covid-19. A informação foi confirmada oficialmente pelo clube no início da tarde desta segunda-feira, dia 5. Ele já havia sido vetado pelo departamento médico da viagem a Quito, no Equador, onde a equipe vai enfrentar o Independiente Del Valle, na quarta-feira, dia 7, pela terceira fase da Libertadores.

 

Renato apresentou sintomas da doença causada pelo coronavírus na noite deste domingo, como dores musculares, inflamação na garganta, febre e indisposição. No último teste realizado pelo clube para Covid-19, no sábado, o resultado do técnico foi negativo.

 

Devido aos sintomas, Renato ficou fora da viagem para o Equador e realizou novo exame nesta manhã, que teve resposta positiva para a doença. Posto em isolamento por precaução, o comandante gremista deve permanecer afastado das atividades por até 14 dias, conforme os protocolos sanitários para quem contrair Covid-19.

 

Em Quito, o Grêmio será comandado pelo auxiliar Alexandre Mendes. Ele esteve à frente da equipe nas primeiras partidas do Gauchão, enquanto Renato e os principais jogadores receberam 10 dias de recesso. O tricolocar vai enfrentar o Independiente Del Valle, às 19h15 de quarta-feira, no primeiro jogo da terceira fase da Libertadores.

Com informações do Globo Esporte


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.