Massagista da Chapecoense morre após passar mal enquanto jogava futebol

Douglas Roberto Rodrigues Mendes disputava uma partida entre amigos durante o final de semana

Por Oeste Mais

22/06/2020 08h41 - Atualizado em 22/06/2020 08h41


Douglas Roberto Rodrigues Mendes tinha 49 anos (Foto: Divulgação)

O massagista da Chapecoense, Douglas Roberto Rodrigues Mendes, de 49 anos, morreu após passar mal enquanto jogava uma partida de futebol entre amigos durante o final de semana.

 

A Chapecoense emitiu uma nota de pesar em lamento ao falecimento do profissional, conhecido entre os jogadores do clube como Paizinho. O sepultamento ocorreu neste domingo, dia 21.

 

Nota da Chapecoense

 

Profundamente consternados e com extremo pesar, informamos o falecimento do massagista da Associação Chapecoense de Futebol, Douglas Roberto Rodrigues Mendes, carinhosamente apelidado pelos companheiros de clube como "paizinho".

 

Em sua segunda passagem pela Chape, Paizinho sempre realizou com dedicação e incontestável paixão todas as suas funções, conquistando a confiança e o respeito de todos.

 

Por tamanha lealdade e amor à camisa alviverde, a agremiação exalta a sua mais sincera gratidão e deseja força para os familiares e amigos para que possam enfrentar o momento tão difícil e, acima de tudo, lidar com esta perda irreparável.

 

Os pensamentos e orações de toda a família chapecoense estão com vocês.

COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.