ProUni abre nesta terça-feira inscrições para 169 mil bolsas

Mais da metade das bolsas integrais estão em cursos não presenciais

Por Oeste Mais

11/06/2019 15:29



Abrem nesta terça-feira, dia 11, as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do segundo semestre de 2019. São 169.226 bolsas em instituições privadas de ensino superior. Um quarto das vagas oferecidas é na modalidade a distância. O programa tem bolsas integrais e parciais (de 50%).

 

Das 68.087 bolsas integrais, 51% são na modalidade a distância. Para as 68.087 bolsas parciais, apenas 7% são a distância.

 

Pelo ProUni, estudantes conseguem bolsas do governo federal em faculdades e universidades privadas. As instituições reservam para o programa um percentual fixo de cursos, divididos por carreiras e modalidades, em troca de isenção fiscal.

 

Os números foram divulgados na última segunda-feira, dia 10, pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo dirigentes da pasta, o percentual de bolsas nas modalidades a distância seria reflexo da grande oferta em cursos a distância por parte das instituições.

 

Podem se inscrever participantes da última edição do Enem que tiveram nota mínima média de 450 pontos e não terem zerado na redação. Também é necessário comprovar baixa renda.

 

Para concorrer a bolsas integrais, os candidatos precisam ter renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As parciais são reservadas para quem têm renda de até três salários mínimos por pessoa.

 

O total de 169.226 bolsas é dividido em 33.830 cursos em 1.100 instituições privadas de ensino superior. Os cursos com mais vagas neste semestre são os de administração (17.004), pedagogia (13,387) e ciências contábeis (10.817).

 

As inscrições do ProUni vão até as 23h59 do dia 14 de junho de 2019. O resultado da primeiro chamada sai no dia 18 de junho.

Com informações da Veja


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.