Dom Vital realiza contatos com alunos para iniciar atividades escolares pela internet

Estudantes de todas as turmas deverão acessar plataforma on-line para fazer conteúdos em sala virtual

Por Jhonatan Coppini

06/04/2020 10h42 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Mais de 500 mil estudantes das escolas da rede estadual de ensino de Santa Catarina deverão realizar atividades on-line a partir dos próximos dias para preencher a lacuna deixada pela suspensão das aulas devido à pandemia de coronavírus (Covid-19). O governo do estado ainda deve divulgar detalhes sobre a medida adotada pela Secretaria de Educação de Santa Catarina.

 

Mas as escolas estaduais já iniciaram uma capacitação dos professores na última semana, começando a partir desta segunda-feira um contato mais direto com os responsáveis pelos estudantes, que deverão participar das atividades por meio de uma espécie de sala virtual.

Escola Dom Vital, em Ponte Serrada (Foto: Jhonatan Coppini/Oeste Mais)

A Escola Dom Vital, no Centro de Ponte Serrada, está criando grupos de WhatsApp das turmas para instruir pais e alunos sobre os procedimentos. “O grupo é muito importante porque o professor dá encaminhamentos a partir dali. Ali o aluno vai ter acesso para entrar na plataforma e o professor vai dar outros encaminhamentos. Então, quem não estiver ainda em algum grupo, tem que entrar em contato com a direção ou o professor regente”, orienta a diretora Sandra Schuller.

 

Os primeiros 15 dias de paralisação foram um adiantamento das férias do meio do ano. De acordo com as medidas de isolamento adotadas pelo governo, as aulas ficarão suspensas pelo menos até o dia 20 de abril. Embora o Ministério da Educação tenha decidido que as escolas não precisarão cumprir os 200 dias letivos previstos em lei, a carga horária de 800 horas de atividades ao ano deverá ser atingida.

 

É neste sentido que as instituições estaduais deverão conduzir o ensino por meio de trabalhos a distancia. A partir desta semana, os estudantes deverão entrar em uma conta do Google Classroom, por meio do número da matrícula, para acessar os conteúdos. Na plataforma, os professores vão disponibilizar materiais e atividades. O acesso está sendo instruído pelas próprias escolas.

 

Por meio dos professores e da equipe de direção, a Escola Dom Vital vem mantendo contato com pais ou responsáveis pelos alunos para explicar como fazer o acesso. Já os alunos que não têm computador ou internet deverão receber uma cópia física do material para estudar em casa, segundo a diretora. “Até o dia 13 de abril nós temos que organizar esse material para os pais virem buscar na escola”, afirma Sandra.

 

A estrutura de ensino, o cronograma com os detalhes de como o projeto será viabilizado, incluindo a forma como serão feitas as avaliações, deverão ser oficializados pelo governo de Santa Catarina ainda nesta semana.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.