Suposta cobrança abusiva na conta de luz será tema de reunião entre Ministério Público, Celesc e outros órgãos

Assunto será discutido em encontro marcado para a tarde desta quinta-feira

Por Oeste Mais

07/02/2019 08:21



A suposta cobrança abusiva na conta de luz do mês de janeiro será tema de uma reunião na tarde desta quinta-feira, dia 7, entre o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), representantes dos Procons do estado, Secretaria de Defesa do Consumidor de Florianópolis e Celesc. O encontro está marcado para as 14 horas, em Florianópolis.

 

De acordo com o MPSC, a reunião será fechada, conduzida pelo promotor Marcelo Brito de Araújo e pela coordenadora do Centro de Apoio Operacional do Consumidor, promotora Greicia Malheiros da Rosa Souza.

 

A imprensa poderá fotografar e fazer imagens no início do encontro. Ao final da reunião, o promotor Marcelo vai conceder uma entrevista coletiva.

 

Uma força-tarefa envolvendo o Ministério Público e o Procon de Santa Catarina foi montada ainda no final de janeiro para investigar o aumento excessivo na conta de energia elétrica dos catarinenses. O objetivo é aferir se os registros de consumo de energia elétrica lançados pela Celesc correspondem mesmo ao consumo. A empresa disse que o aumento ocorreu exclusivamente pelo consumo maior de energia durante o período.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.