Exportações catarinenses batem recorde no acumulado de janeiro a maio

Principais destinos dos produtos são Estados Unidos, China, Japão, Argentina e México

Por Oeste Mais

09/06/2019 09:13 - Atualizado em 09/06/2019 09:13



Os cinco primeiros meses do ano foram de bons negócios para os exportadores catarinenses. De janeiro a maio, Santa Catarina vendeu para o exterior um total de US$ 3,77 bilhões, o que representa um recorde em valores nominais para o período e um crescimento de 12,2% em relação aos mesmos meses de 2018. A importação também cresceu 12%, para um total de US$ 6,8 bilhões.

 

Os números são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e foram compilados pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc).

Aves e suínos estão entre os principais produtos exportados por SC (Foto: Divulgação)

Em relação aos produtos exportados, o destaque ficou com a venda de carnes de aves e suínos, que cresceram 70,9% e 37,4%, respectivamente. São justamente esses dois itens que respondem pela maior parte da pauta de exportação, com 24% de participação e 7,8%, especificamente.

 

Quando se fala apenas sobre o mês de maio, as exportações somaram US$ 872 milhões, alta de 26%. Os principais destinos dos produtos catarinenses são os Estados Unidos (14%), a China (12%), o Japão (5%), a Argentina (4%) e o México (3%).

 

Na visão do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Lucas Esmeraldino, o resultado de janeiro a maio pode ser creditado à diversidade e pujança da economia catarinense, que responde ao atual momento com números superiores à média brasileira.

 

“São números a ser comemorados. A economia catarinense possui um patamar diferenciado. Estamos lutando para atrair ainda mais investimentos para que resultados como esse sigam se repetindo”, apontou o secretário.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.