Correios informam que negociação com trabalhadores continua e atendimento segue normal

Funcionários anunciaram greve no início da semana ao presidente da empresa

Por Oeste Mais

01/08/2019 08:57 - Atualizado em 01/08/2019 09:01



Após audiência realizada pelo ministro Renato de Lacerda Paiva, vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), nesta quarta-feira, dia 31, os Correios e representações sindicais mantêm as negociações para a assinatura do acordo coletivo da categoria, que continuam sendo mediadas pelo TST.

 

De acordo com o órgão, também ficou decidido que o Acordo Coletivo 2018/2019 continuará vigente até o dia 31 de agosto — a vigência era até esta quarta-feira, dia 31.

 

A greve foi anunciada ao presidente dos Correios, Floriano Peixoto, na última segunda-feira, dia 29. Apesar do indicativo de paralisação, os trabalhadores não descartam negociações.

 

“Os Correios informam que todos os serviços estão sendo prestados normalmente em todo o Brasil e orientam os clientes a, em caso de dúvida, buscarem informações nos canais oficiais da empresa”, aponta uma nota oficial emitida na manhã desta quinta-feira, dia 1º.

 

A população pode buscar outros esclarecimentos pelo site dos Correios ou ligar para a Central de Atendimento, no telefone 0800 725 0100. A central atende de segunda a sexta-feira, das 8 às 20 horas, e aos sábados, das 8 às 14 horas.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.