Celesc diz que aumento na conta de luz acontece por maior consumo de energia

Empresa lembra que tarifa de energia elétrica não é corrigida desde agosto de 2018

Por Oeste Mais

24/01/2019 08:52 - Atualizado em 24/01/2019 08:52



Após receber muitas manifestações da população a respeito do aumento nas contas de luz, a Celesc decidiu se manifestar sobre o assunto por meio de uma nota à imprensa nesta quarta-feira, dia 23.

 

De acordo com a empresa, o aumento na conta de luz se deve, basicamente, ao maior consumo de energia registrado no período de leitura do gasto em cada unidade.

 

O avanço é confirmado pelos elevados índices na demanda de energia registrados nas últimas semanas. Desde dezembro, o recorde foi batido três vezes, em três dias seguidos — 15 de janeiro (4.875MW), 16 de janeiro (4.989,82 MW) e 17 de janeiro (5.030MW). O último recorde havia sido registrado em 12 de dezembro do ano passado: 4.826MW.

 

A empresa reitera que a tarifa de energia elétrica não é corrigida desde agosto de 2018, data do reajuste anual das tarifas da Celesc, e orienta que os clientes confiram atentamente o histórico de consumo e o período de apuração da leitura na fatura recebida.

 

Orientações

 

Ao receber a fatura, o consumidor deve avaliar o histórico do consumo e o período de leitura. Essas informações são básicas para que ele verifique se o consumo efetivamente cresceu e se, no período de leitura, ele fez uso de energia elétrica.

 

O gerente do Departamento de Regulação da Celesc, Vânio Moritz, lembra que alguns consumidores reclamam que ficaram fora de casa por dias ou que estiveram de férias em dezembro e que, por isso, não poderia haver a alta do consumo. “Ao observar o período de leitura, ele vai poder certificar se os dias que esteve fora efetivamente estavam dentro do período que o seu consumo foi lido”.

 

Além desses aspectos, o consumidor também precisa ficar atento para o impacto do uso dos principais equipamentos elétricos na sua conta de luz. A tabela abaixo apresenta o desempenho de uma lista de aparelhos utilizados no dia a dia e que fazem a diferença no fim do mês:

 

Entenda a conta

 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) disponibiliza uma ferramenta interativa para você entender tudo o que paga na fatura de energia mensal. Acesse www.siase.org.br/EntendaSuaConta e insira os dados: Estado (SC), Distribuidora (Celesc-Dis), bandeira vigente (verde) e seou consumo do mês (valor em kWh).

 

Para o cálculo, a ferramenta aplica a tarifa convencional da classe residencial. O valor da bandeira pode diferir com a da fatura se a cor da bandeira alterar de um mês para outro. Além disso, não é considerado o valor mínimo faturável, correspondente ao custo de disponibilidade do sistema elétrico.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.