Presidente da Petrobras deixa o cargo e também o Conselho de Administração da companhia

Executivo estava pressionado pelo governo após reajuste de preços do diesel e da gasolina

Por Redação Oeste Mais

20/06/2022 13h22 - Atualizado em 20/06/2022 13h26



José Mauro Coelho não é mais presidente da Petrobras (Foto: André Ribeiro/Agência Petrobras)

José Mauro Coelho pediu demissão da presidência da Petrobras nesta segunda-feira, dia 20, e também do Conselho de Administração da companhia. O anúncio foi feito quase um mês após o executivo começar a ser pressionado pelo próprio governo diante dos reajustes no preço dos combustíveis.

 

"A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora", disse a companhia em comunicado publicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

 

O provável substituto de Coelho é Caio Paes de Andrade, secretário de Desburocratização do Ministério da Economia. Ele foi indicado ao cargo pelo governo há um mês, mas a troca esbarrou nos trâmites legais definidos para a substituição.

 

Terceiro executivo a comandar a estatal no governo Jair Bolsonaro, José Mauro Coelho ficou no cargo pouco mais de dois meses. A saída era aguardada desde o dia 23 de maio, quando o Ministério de Minas e Energia anunciou que seria realizada a terceira troca no comando da empresa.

 

O presidente Jair Bolsonaro, no entanto, cobrou dos três executivos nomeados por ele para o comando da Petrobras que os preços dos combustíveis fossem contidos.

 

A política de preços da Petrobras foi adotada em 2016 pelo governo Michel Temer. Ela é submetida ao critério de paridade internacional, o que significa que os preços dos combustíveis levam em consideração a cotação do barril de petróleo no mercado internacional e, também, as oscilações do dólar.

Com informações do g1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.