Governo do Estado repassa R$ 26 milhões para investimentos em Chapecó

Investimento será para a construção de um pavilhão com arena multiuso no Parque de Exposições e a implantação do Elevado da Bandeira

Por Redação Oeste Mais

11/05/2022 17h11 - Atualizado em 11/05/2022 17h11



Investimentos foram repassados nesta terça-feira (Foto: Divulgação)

O município de Chapecó recebeu na noite desta terça-feira, dia 10, durante a solenidade de comemoração aos 75 anos da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (Acic), um investimento de R$ 26 milhões para a construção de um pavilhão com uma arena multiuso no Parque de Exposições Tancredo de Almeida Neves e para a implantação do Elevado da Bandeira. 

 

Pavilhão e Arena da Efapi 

 

O repasse de R$ 18,3 milhões por convênio para o município de Chapecó vai garantir a construção do pavilhão de 8,8 mil metros quadrados e da arena multiuso de 4,1 mil metros quadrados, no Parque de Exposições Tancredo de Almeida Neves, no Bairro Efapi. 

 

A obra é aguardada pela população há quase 30 anos. Conforme a prefeitura, a estrutura vai substituir outros dois pavilhões antigos. Os novos ambientes vão oferecer um espaço mais adequado e confortável para feiras e outros eventos. A licitação para a obra já foi concluída. 

 

Elevado da Bandeira

 

O novo elevado vai substituir a hoje saturada rótula da Bandeira, em um dos principais acessos a Chapecó. O convênio já foi assinado. Na noite desta terça-feira, 10, foi autorizado o aditivo ao convênio com o valor de R$ 7,6 milhões. Com isso, o valor da obra, a ser executada pela prefeitura, alcança R$ 38,1 milhões.

 

A rótula não comporta mais o trânsito. Nos horários de pico há um engarrafamento nesta região. Além de ser o principal acesso da região Norte de Chapecó, que faz ligação com a BR-282, por ali passa o tráfego entre o Rio Grande do Sul e o Paraná. 


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.