R$ 27 milhões serão investidos em novos programas de apoio à agricultura e pesca

Programas já estão disponíveis para os produtores rurais e pescadores de Santa Catarina

Por Oeste Mais

25/03/2021 08h55 - Atualizado em 25/03/2021 08h55



Produtores rurais e pescadores de Santa Catarina terão novos programas de apoio à investimentos. A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural investirá R$ 27 milhões em seis novas linhas de crédito e subvenção aos juros para melhoria da competitividade e da renda da agricultura familiar e da pesca.



“Remodelamos os programas, abrindo espaço para a inovação. Queremos possibilitar investimentos individuais e coletivos para aumentar a competitividade, a renda e a qualidade de vida no meio rural e pesqueiro. Vamos trazer ainda oportunidades para que os jovens possam realizar seus sonhos e apostar no agronegócio”, destaca o secretário da Agricultura Altair Silva.

 

Com os novos programas, a Secretaria da Agricultura atuará em cinco frentes: financiamentos sem juros; subvenção de juros de financiamentos contraídos junto aos agentes bancários; políticas públicas para jovens e mulheres; apoio para cuidar do solo e conservar água e apoios emergenciais.



O secretário adjunto da Agricultura, Ricardo Miotto, explica que a reformulação dos programas de apoio traz mais agilidade e clareza na tomada de decisões. "O setor produtivo e a sociedade em geral poderão enxergar de maneira mais clara e objetiva todas as políticas públicas disponíveis e de que maneira o Governo do Estado pode estar ao lado da agricultura familiar e da pesca catarinense".



Os programas já estão disponíveis para os produtores rurais e pescadores de Santa Catarina. Na última semana, o secretário da Agricultura tem participado de diversas reuniões apresentando as novidades para lideranças regionais e representantes do setor produtivo. Os interessados em participar dos programas devem procurar a Epagri do seu município.

 

Confira os programas

 

Investe Agro SC

 

Os produtores rurais contratam financiamentos para investir na propriedade rural e o Governo do Estado paga parte dos juros, em um limite de 2,5% ao ano. Serão quatro linhas de apoio: fortalecimento de cadeias produtivas, água para o campo; proteção de pomares e fortalecimento de agroindústrias familiares.

 

Investe Agro SC Emergencial

 

Apoio da Secretaria da Agricultura para recuperação de sistemas produtivos danificados por eventos climáticos extremos. Os agricultores e pescadores poderão contratar financiamentos de até R$ 80 mil, com oito anos de prazo para pagar, com subvenção de juros num limite de 2,5% ao ano.

 

Fomento Agro SC

 

Financiamentos sem juros para agricultores e pescadores de Santa Catarina. O Governo do Estado apoia investimentos para fomento a cadeias produtivas; agregação de valor e empreendimentos coletivos; arranjos produtivos locais e inclusão digital e qualificação de acesso à energia elétrica.

 

Reconstrói SC

 

Financiamentos sem juros para agricultores familiares e pescadores para recuperação de sistemas produtivos danificados por eventos climáticos extremos. Os agricultores e pescadores poderão contratar financiamentos de até R$ 10 mil, com cinco anos de prazo para pagar.

 

Jovens e Mulheres em Ação

 

Políticas públicas voltadas para jovens e mulheres da agricultura e pesca. Além de cursos de formação, há duas linhas de apoio para investimentos em internet e projetos de melhoria de processo produtivo.

 

Prosolo e Água

 

A Secretaria da Agricultura traz financiamentos sem juros para projetos de captação e armazenagem de água, isolamento e recuperação de mata ciliar, proteção e recuperação de nascentes, terraceamento e cobertura de solo.

 

Outros Programas

 

A Secretaria da Agricultura mantém ainda outros programas de apoio ao setor produtivo como o Fundo Estadual de Sanidade Animal (Fundesa), o Terra Boa e o Programa de Regularização Fundiária.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.