Dólar recua ante real após alta de Trump; mercado doméstico reflete alívio político

Nesta segunda-feira, dia 5, a moeda norte-americana à vista teve queda de 1,75%, a 5,5678 reais na venda, maior baixa percentual diária desde 28 de agosto

Por Oeste Mais

06/10/2020 10h00



O dólar era negociado em queda contra o real nos primeiros minutos de pregão desta terça-feira, dia 6, pressionado pelo maior apetite por risco global depois da alta hospitalar do presidente norte-americano, Donald Trump, e, no cenário doméstico, refletindo uma reaproximação entre o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

 

Às 9:09, o dólar recuava 0,51%, a 5,5395 reais na venda, enquanto o principal contrato de dólar futuro caía 0,56%, a 5,5485 reais. Na véspera, a moeda norte-americana à vista teve queda de 1,75%, a 5,5678 reais na venda, maior baixa percentual diária desde 28 de agosto.

 

O Banco Central fará nesta sessão leilão de swap tradicional para rolagem de até 10 mil contratos com vencimento em março e julho de 2021.

Com informações da Agência Brasil


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.